Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Maio 27, 2020

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Tinturaria recebe pintura de Balbina Mendes em janeiro e fevereiro

Tinturaria recebe pintura de Balbina Mendes em janeiro e fevereiro
José Lagiosa

A pintura de Balbina Mendes é a protagonista da exposição de Janeiro da Tinturaria

Intitulada “Máscaras Mitos e Ritos”, trata-se de uma exibição de pintura a óleo sobre tela, onde a pintora representa máscaras utilizadas ainda hoje na região do Douro e Trás-os-Montes, principalmente por alturas do Solstício de Inverno e do Carnaval. Um conjunto de telas de grande impacto visual, que evocam uma das mais enigmáticas e ricas tradições do interior norte de Portugal.

Tinturaria Mascaras_cartaz

Esta exposição itinerante, primeiramente apresentada em Bruxelas, tem vindo a percorrer o país, associando à sua qualidade artística uma função de divulgação e preservação das tradições, podendo ser apreciada na Covilhã de terça-feira a domingo, das 10:00 às 18:00 horas, no espaço do Rossio do Rato, de 13 de Janeiro a 28 de Fevereiro, com entrada livre.

Durante o período em que a exposição está patente ao público, terão lugar, uma conferência a 7 de fevereiro, pelas 16 horas, subordinada ao tema “Máscaras e rituais do Douro e Trás-os-Montes”, com a presença de António Pinelo Tiza e o workshop artístico “Os fios que tecem a arte, a 12 de fevereiro, promovido pela Escola Secundária Campos Melo em colaboração com a Universidade da Beira Interior.

Balbina Mendes nasceu em 1955, em Malhadas, Miranda do Douro, no interior Norte de Portugal. Em 1989 apresentou, no Porto, a sua primeira exposição pública – e o êxito de imediato alcançado encaminhou, definitivamente, uma vocação. De então para cá, largas dezenas de exposições em Portugal, Espanha, Bélgica e Estados Unidos da América consolidaram-na e projetaram-na, designadamente na área do Naturalismo.

Hoje, Balbina Mendes dedica-se em exclusivo à Pintura. Frequenta o Mestrado de Pintura na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto.

 

 

Comentar