Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Julho 12, 2020

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Sporting da Covilhã impede Freamunde de subir à liderança da II Liga

José Lagiosa

Sporting da Covilhã 3 – Freamunde 1

O Sporting da Covilhã venceu o Freamunde por 3-1, na 32.ªjornada da II Liga portuguesa de futebol, com a equipa visitante a perder a oportunidade de se isolar no comando provisório.

Bilel bisou nos minutos finais da primeira parte (39 e 44 minutos) e levou os serranos a vencer para o intervalo, Erivelto (78) aumentou a contagem e Rainho, de grande penalidade, reduziu em cima dos 90.

Toda a primeira metade foi jogada com intensidade e o serrano Traquina assustou logo no segundo minuto e pouco depois Taborda foi também posto à prova. Aos seis minutos, com o guardião do Freamunde já batido, Erivelto falhou o alvo e, na resposta, foi Pedrinho a atirar por cima.

Ao minuto 39, Bilel, na esquerda, tirou três adversários do caminho e, à entrada da área, rematou forte para o golo inaugural.

Quando estavam jogados 44 minutos, Tiago Moreira aliviou a bola para a frente e o francês amorteceu com o peito, virou-se para a baliza e bisou.

Após o reatamento, o jogo perdeu intensidade, com o Sporting da Covilhã a procurar gerir o resultado e a tentar aproveitar os espaços deixados pelo Freamunde, que foi forçado a arriscar.

Leandro, Robson, Rainho e Fausto tentaram reduzir, enquanto nos serranos Traquina e Zé Tiago viram Marco negar-lhes o golo.

Aos 78 minutos, Erivelto, assistido por Tiago Moreira, dilatou a vantagem, num cabeceamento ao segundo poste, e, em cima dos 90, Rainho, de grande penalidade, reduziu, quando já pouco havia a fazer para inverter o marcador.

Com este resultado, o Freamunde perdeu a oportunidade de ultrapassar o Desportivo de Chaves na liderança, ficando a dois pontos dos transmontanos e em igualdade com o Tondela, que perdeu com o Sporting (4-3), enquanto o Covilhã subiu a sétimo, a cinco pontos do adversário.

 

Jogo no Estádio Santos Pinto.

Ao intervalo: 2-0.

Marcadores:

1-0, Bilel, 39 minutos.

2-0, Bilel, 44 minutos.

3-0, Erivelto, 78 minutos.

3-1, Rainho, 90 minutos (grande penalidade).

Equipas:

– Sporting da Covilhã: Taborda, Tiago Moreira, Diogo Coelho, Edgar, Soares, Djikine, Carlos Manuel, Zé Tiago (Massaia, 74), Traquina (Flávio, 81), Bilel, Erivelto.

(Suplentes: Igor, Massaia, Joel, Gilberto, Adriano, Flávio).

Treinador: Francisco Chaló.

– Freamunde: Marco, Mesquita, Amadeu, Luís Pedro, Huguinho (Rainho, 46), Robson, Barbosa (Leandro, 46), Pedrinho, Dally (Paulo Roberto, 73), Fausto, Ansumane.

(Suplentes: Jorge Batista, rainho, Jô, Leandro, Paulo Roberto, Artur Jorge, Jorginho).

Treinador: Filipe Rocha.

 

Árbitro: Manuel Mota (Braga).

Ação disciplinar: Cartão amarelo a Barbosa (12), Ansumane (57), Djikine (76).

Assistência: Cerca de 1.300 pessoas.

*Com Lusa

 

Comentar