Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Fevereiro 26, 2020

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Castelo Branco reduz orçamento para 49,1 ME

Castelo Branco reduz orçamento para 49,1 ME
José Lagiosa

A maioria socialista na Câmara de Castelo Branco aprovou com os votos contra do PSD o orçamento do município para 2016, no valor de 49,1 milhões de euros, menos 1,1 milhões do que no ano passado.

Em comunicado enviado hoje à agência Lusa, o presidente da Câmara de Castelo Branco, Luís Correia, defende que este orçamento “dá continuidade às grandes obras estruturantes do concelho e, simultaneamente, marca o início da execução da ‘Estratégia de Futuro’ recentemente apresentada aos albicastrenses”.

O autarca explica ainda que o Plano de Atividades para 2016, suportado pelo orçamento agora aprovado, contempla grandes intervenções como a renovação e melhoramento das antigas estradas nacionais 112 e 18, reabilitação da Avenida Afonso de Paiva e algumas ruas contíguas, bem como a construção de um crematório no cemitério municipal.

“Estas intervenções estruturantes reforçam a modernidade e a qualidade de vida do concelho”, adiantou.

Luís Correia considera tratar-se de um orçamento de grande alcance, “que garantirá o reforço da cidade e do concelho em termos de atratividade, competitividade, modernidade e qualidade de vida”.

“É um orçamento ímpar, pela importância do investimento, ao nível das cidades de média dimensão, nas quais Castelo Branco se inscreve”, sublinha o autarca.

Já no âmbito do programa Castelo Branco Estratégia de Futuro, será lançada a construção da Fábrica da Criatividade e do Museu dos Lanifícios, e concluído o Centro de Interpretação do Bordado de Castelo Branco.

A autarquia destaca ainda a intervenção paisagística na Quinta do Chinco, que terá a dupla valência de espaço verde urbano e hortas sociais.

*Com Lusa

 

Comentar