Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Dezembro 9, 2019

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Mário de Carvalho e Sérgio Godinho à conversa em Beja

Mário de Carvalho e Sérgio Godinho à conversa em Beja
José Lagiosa

O teatro Pax Julia, em Beja, é hoje, a partir das 17:00, o cenário da 8.ª etapa, a penúltima deste ano, da “Viagem literária”, que junta à conversa os escritores Mário de Carvalho e Sérgio Godinho.

O projeto “Viagem Literária” visa apresentar dois escritores à conversa com o jornalista João Paulo Sacadura, em sessões abertas ao público, que também pode intervir.

Trata-se de uma iniciativa “descentralizadora”, segundo Rui Couceiro, da Porto Editora, que a descreveu à Lusa como “um festival em capítulos”.

A “Viagem literária”, teve início no passado 25 de Abril, em Bragança, e, no próximo dia 05 de dezembro, passa por Faro, com os autores Gonçalo M. Tavares e Bruno Vieira Amaral, que cumprem o último encontro deste ano.

Mário de Carvalho, de 71 anos, um dos intervenientes em Beja, estreou-se literariamente com a obra “Contos da sétima esfera”, que “causou surpresa pelo inesperado da abordagem ficcional e pela peculiar atmosfera, entre o maravilhoso e o fantástico”, realçou à Lusa fonte da Porto Editora.

“Desde então, tem praticado diversos géneros literários, percorrendo várias épocas e ambientes, sempre em edições sucessivas; nas diversas modalidades de romance, conto e teatro, foram atribuídos a Mário de Carvalho os prémios literários portugueses mais prestigiados”, realçou a mesma fonte.

A obra “A liberdade de Pátio Grande”, publicada no ano passado pela Porto Editora, valeu-lhe o Prémio de Conto Camilo Castelo Branco/Câmara de Vila Nova de Famalicão/Associação Portuguesa de Escritores.

O outro parceiro de conversa, na capital baixo-alentejana, é Sérgio Godinho, de 70 anos, cantor, compositor, ator, realizador e escritor, autor, entre outros, dos livros, “Pequeno livro dos medos”, “Vidadupla” e “O sangue por um fio”.

Em 2016, a “viagem” é retomada no Funchal, a dia 23 de janeiro, contando passar, depois, por mais oito cidades: Ponta Delgada, Setúbal, Santarém, Leiria, Coimbra, Aveiro, Braga e Viana do Castelo.

*Com Lusa

Comentar