Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Dezembro 10, 2019

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Pedro Proença garante que vai entregar troféu de campeão da I Liga no estádio

José Lagiosa

Pedro Proença, presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), garantiu hoje que vai entregará pessoalmente o troféu de campeão da I Liga portuguesa de futebol no estádio em que o vencedor estiver a jogar.

Apesar de os dois candidatos jogarem a mais de 300 quilómetros de distância – o Sporting joga em Braga e o Benfica em Lisboa -, o dirigente garantiu que está a tratar da logística para que possa participar nos festejos do novo campeão nacional, embora sem revelar a estratégia.

“Se vou estar a meio do caminho? A única certeza é que o presidente da Liga vai estar no estádio em que o campeão vai jogar e entregará o troféu. Estamos logisticamente a resolver a situação”, garantiu Pedro Proença

O líder da LPFP, que hoje participou no jantar de gala do 77.º aniversário do Rio Ave, aproveitou para deixar um apelo aos dirigentes de Benfica e Sporting, para que haja “respeito e ‘fair-play’” nesta última semana.

“Apelo ao respeito pelos adeptos que têm sabido apoiar as equipas em todo o campeonato. Gostava que este final de campeonato seja de grande elegância e de grande elevação, com muita tranquilidade. Que os dirigentes saibam respeitar os verdadeiros artistas na compreensão daquilo que é o mais elevado ‘fair-play’”, desabafou o dirigente.

Pedro Proença mostrou-se agradado pela emotividade com que as competições que a LPFP organiza estão a ter até às derradeiras jornadas.

“Temos uma I Liga altamente competitiva, na qual tudo está por decidir na última jornada. Não temos campeão, não temos lugares europeus definidos e não temos as descidas configuradas, assim como na II Liga há muito para decidir”, vincou.

Pedro Proença abordou ainda a final da Taça da Liga, que se disputa a 20 maio, em Coimbra, entre Benfica e Marítimo, garantindo que será “uma final tecnológica e com grandes novidades”.

Ainda a propósito deste jogo, o líder da LPFP, muito criticado pelo presidente do Marítimo, que pretendia uma definição mais atempada da data e local da final, garantiu que para o próximo ano tudo será diferente.

“Não fui eu que estive na base do planeamento desta competição. Na próxima época vamos fazer algo de muito diferente com uma competição muito mais compacta. No dia 08 de julho vamos apresentar já o local e a data a final”, disse o dirigente.

Pedro Proença disse “perceber as ‘dores’ dos clubes que ao quererem planear as suas viagens e estadias se debatem com este tipo de constrangimentos”, mas garantiu que a Liga “saberá no futuro trabalhar-lhas melhor”.

*Lusa

Comentar