Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Abril 10, 2020

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Albicastrenses falham goleada histórica mas vencem e convencem

José Lagiosa

Benfica e Castelo Branco 5 – Vitória de Sernache 2

O Sport Benfica e Castelo Branco, goleou hoje em casa, o Grupo desportivo Vitória Sernache, por 5-2.

O encontro referente à 5ª jornada do Campeonato de Portugal Prio teve lugar no Estádio Vale do Romeiro, em Castelo Branco.

O jogo caracterizou-se por um forte domínio do Benfica e Castelo Branco que durante toda a primeira parte superiorizou-se à equipa visitante em todos os aspectos chegando ao intervalo a vencer por 4-0, reflexo desse mesmo domínio.

Para ilustrar isso mesmo refira-se que os quatro golos foram conseguidos entre os 7 e os 27 minutos.

Jogo com supremacia absolutado BCB na 1ª parte

Jogo com supremacia absoluta do Benfica CB na 1ª parte

A segunda parte foi diferente, para pior. Jogo mais calmo por parte dos homens da casa, reflexo do resultado conseguido nos primeiros 45 minutos e os visitantes a aproveitarem esse facto apontando dois golos nos últimos dez minutos, quando os albicastrenses já tinham ampliado para os 5-0 e falhado, pelo menos em duas oportunidades, a hipótese de aumentar o “score”.

Jogo calmo, apedar das duas lesões dos encarnados, ambas de cariz muscular e a lesão grave do jogador da equipa do pinhal David, substituído logo aos 25´ que para além de uma luxação do ombro, fracturou a clavícula direita.

Jogo disputado no Estádio Vale do Romeiro, em Castelo Branco

Benfica e Castelo Branco – Miguel Lázaro; André Cunha, Babia Issouf (Bernardo aos 52’), Adul, Tomás, Ballack (Adriamo aos 68’), Patas Moreno, Edgar, João Ventura, Dani Matos (cap.), e Gilson Varela (Rúben Nogueira aos 45”).

Golos: Dani Matos (7′), Ballack (16′), Adul (18′ e 63′) e André Cunha (27′)

Treinador – Ricardo António

Vitória Sernache – Fernando, Paulo Freitas, André Lourenço, Tiago, Davide (Papa Francisco aos 25’), Ryan (Michel aos 55’), Gonçalo Pessoa, Júlio César (Kevin aos 55’), Marco, Samuel (cap.) e Fabiano.

Golos: Papa Francisco (80′) e Kevin (90′ + 4′).

Treinador – António Joaquim

Equipa de arbitragem: Conselho de Arbitragem da Associação de Futebol de Santarém, chefiada por Nelson Andrade, auxiliado do lado da bancada por João Veríssimo e do lado do peão por Tiago Ribeiro, com uma atuação de boa qualidade quer a nível técnico quer no campo disciplinar.

“Foi um jogo que prevíamos difícil, porque é um derby, mas nós descomplicámos logo de início, aproveitando os primeiros lances de golo, o que surpreendeu o nosso adversário”, referiu no final do jogo Ricardo António.

Ricardo António

Ricardo António

“Foi uma boa vitória”, acrescentou o treinador dos albicastrenses.

Referindo-se aos golos consentidos quando a equipa vencia por 5-0, “mais negativo que os dois golos sofridos, fruto de um abrandamento natural dos jogadores, são as duas lesões”, concluiu o técnico dos encarnados.

 

 

Comentar