Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Janeiro 20, 2020

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Associação de Turismo de Culinária promove gastronomia e cultura do Centro

Associação de Turismo de Culinária promove gastronomia e cultura do Centro
José Lagiosa

A Associação Portuguesa de Turismo de Culinária e Economia (APTECE) vai promover o património gastronómico e cultural de cem municípios da região Centro através da presença em alguns dos mais importantes eventos mundiais do setor.

Denominado “O Centro Faz Bem”, o projeto da APTECE representa um investimento em promoção superior a 400 mil euros, financiado em 85 por cento por verbas do Fundo Social Europeu através do programa CENTRO 2020 e estará em execução até ao final de janeiro de 2018.

No âmbito deste projeto estão previstas presenças de “O Centro Faz Bem” em eventos internacionais como Taste of London, Salon de Gourmets (França) e no catálogo das viagens de luxo ILTM.

“O projeto dará o seu contributo para o desenvolvimento turístico e produtivo da região, com efeitos positivos, ao nível económico, social e cultural, ambiental e de sustentabilidade”, resume José Borralho, presidente da APTECE, associação com sede em Castelo Branco e que junta cerca de 120 entidades ligadas à restauração, turismo e cultura.

José Borralho justifica a aposta no Centro dizendo que a região “tem sabido manter tradições e tem cultivado saberes, com fidelidade a métodos e processos e a sabores tradicionais genuínos e autênticos de elevada qualidade e reputação”.

“O Centro Faz Bem” apresenta como objetivos “melhorar o conhecimento sobre a oferta de turismo gastronómico da região Centro e divulgar os produtos e receituário típico rico e variado”.

A APTECE acredita ainda que o projeto vai contribuir para “aumentar a oferta de turismo gastronómico” e para o crescimento do consumo de produtos tradicionais nos restaurantes regionais.

Apesar de coincidir com a área geográfica da Turismo Centro, o projeto da APTECE não é do “conhecimento formal” da Entidade Regional, embora José Borralho destaque a boa colaboração entre as duas entidades.

A APTECE está a desenvolver até setembro de 2017 o projeto “Portugal Figura de Proa”, iniciativa que recebeu a aprovação do COMPETE 2020, no âmbito do Sistema de Apoio a Ações Coletivas – Internacionalização.

O peixe português, apresentado como “o melhor do mundo”, está no centro da campanha da APTECE, que articula a promoção do turismo gastronómico do país com a apresentação de diversos produtos tradicionais portugueses, nomeadamente na área dos têxteis.

*Lusa

 

Comentar