Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Novembro 13, 2019

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Ponto de Vista… por António Mateus Dias

Ponto de Vista… por António Mateus Dias
José Lagiosa

Os partidos e a democracia!

Muitos amigos me questionam, sobre os partidos e a democracia em que vivemos.

Desde que apareceram vários novos partidos desde 2014, PDR, Nós Cidadãos e o PURP, adivinhava-se que que o PURP, seria o único que defendendo a causa que todos conhecem teria e terá futuro.

António Mateus Dias

António Mateus Dias

Vamos pelos princípios que defende este novo partido, causas, pessoas e o bem comum.

O PURP, tendo os seus dirigentes e todos os órgãos do partido em nada comprometidos com o passado, pessoas que poderão governar o país, sem receberem um tostão do estado, portanto a luta pelo poder fora do contesto dos profissionais da politica, fora da corrupção.

Nunca poderão acusar o PURP dos malefícios que esta partidarite está a causar ao país desde os últimos 35 anos.

O que o PURP promete nos próximos 3 anos que faltam para acabar esta legislatura é esclarecer os reformados/pensionistas, que mudem de atitude não se deixem roubar e enganar mais.

Mas ainda, pensando no futuro, sei que há muito tempo se confinam no horizonte próximo o aparecimento de alguns novos partidos.

No entanto penso que o futuro para esses projectos não vai ser brilhante.

Vai acontecer a alguns, como está a acontecer aos que se perfilaram e partilharam com o PURP, estes novos tempos.

Como não se organizaram devidamente, não tiveram consistência política e portanto, uns vão acabar por desaparecer e dos novos projectos, outros tantos, nem chegarão a nascer.

Por isso meus amigos, nunca acreditem no vazio individual, nem em vaidades, porque o futuro espera por todos.

Acredito, como fundador e dirigente que o PURP vai ser o partido do futuro!

*António Mateus Dias, fundador do PURP

Comentar