Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

BeiraNews | Abril 23, 2017

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Doentes com diabetes já têm Associação na Beira Baixa

Doentes com diabetes já têm Associação na Beira Baixa
José Lagiosa

A ADBB- Associação de Diabéticos da Beira Baixa foi hoje apresentada, em conferência de imprensa, realizada na Junta de Freguesia de Castelo Branco.

Carlos Farinha, presidente da direcção, o médico Jorge Monteiro, director técnico consultivo e José Lagiosa, presidente da Assembleia Geral da ADBB, traçaram as linhas gerais da associação, a nível organizativo, preventivo e de formação.

A funcionar provisoriamente nas instalações da Associação da Carapalha, em Castelo Branco a nova associação visa, o combate ao silêncio que muitas vezes é apanágio dos doentes com diabetes, a informação tão ampla quanto possível para prevenir e evitar novos casos, assegurar formação adequada a doentes, cuidadores e familiares.

“A Diabetes é uma doença silenciosa, o que significa que geralmente, se não forem feitos exames médicos, a pessoa pode não ter consciência de que tem esta condição”, referiu na ocasião o presidente da ADBB.

Carlos Farinha referindo-se à diabetes, tipo II adianta que “a prevenção da diabetes, para quem tem um ou vários fatores de risco mas não tem ainda o diagnóstico da doença, passa por adotar um estilo de vida mais saudável e consultar o médico, fazendo exames regulares de diagnóstico”.

Os principais factores, de risco, para o desenvolvimento da diabetes são, a obesidade, ingestão de açúcar e gordura em excesso, sedentarismo, história familiar e herança genética, idade, stress e alcoolismo, apontam os responsáveis pela associação referindo concretamente ao tipo II da doença.

A ficha de inscrição de sócio, está disponível na secretaria da Associação da Carapalha, a quem estes dirigentes enalteceram a solidariedade e apoio logístico, nomeadamente do seu presidente José Perquilhas, nesta fase inicial da ADBB, que desde a primeira hora se prontificou neste apoio logístico.

No entanto, dada a especificidade do trabalho a desenvolver, “a ADBB vai ter necessidade de ter instalações próprias, sendo essa uma das nossas prioridades”, refere o diretor técnico consultivo.

A Associação de Diabéticos da Beira Baixa tem igualmente previsto, a assinatura de protocolos com entidades institucionais, empresas, laboratórios farmacêuticos e associações congéneres para potenciar o trabalho que pretende colocar no terreno.

Com quatro categorias de sócios, os fundadores, os efectivos, os beneméritos e os honorários, previstas nos seus estatutos, a ADBB formulou já a intenção, junto da sua direcção, que a APDP – Associação Protectora dos Diabéticos de Portugal, a mais antiga associação de diabéticos do mundo e que este ano perfaz 91 anos de existência, possa ser o primeiro sócio honorário.

A quota para os sócios efectivos é de um euro mensal, isento de jóia de inscrição, embora crescida de um pequeno valor, para o cartão de sócio.

Refira-se que no território de intervenção da Associação de Diabéticos da Beira Baixa estão identificados mais de seis mil doentes, embora seja previsível que o número possa ser maior.

 

 

Comentar

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.