Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Junho 26, 2019

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Panificadora divulga pensamentos de Camilo Castelo Branco em 60 mil sacos de pão

Panificadora divulga pensamentos de Camilo Castelo Branco em 60 mil sacos de pão
José Lagiosa

Uma panificadora vai imprimir imagens e pensamentos de Camilo Castelo Branco em 60 mil sacos de pão, tornando a obra camiliana “presença diária” na casa de “milhares de famílias”, anunciou hoje a Câmara de Vila Nova de Famalicão.

Em declarações à Lusa, o presidente da câmara famalicense, Paulo Cunha, salientou que a iniciativa, que nasce de uma parceria entre a Casa-Museu Camilo Castelo Branco e a Ribapão, sociedade com sede em Vila Nova de Famalicão, é mais um “veículo de promoção e de valorização” de um dos maiores ícones do concelho.

A autarquia considerou ainda que aquela iniciativa é um “bom exemplo da cumplicidade” que uma empresa pode ter com o seu território salientando que esta parceria em concreto “reveste-se de reforçada importância” por promover “a própria literatura” portuguesa.

“Esta iniciativa é um bom exemplo de como a responsabilidade social de uma empresa pode ser concretizada de múltiplas formas e com vantagens recíprocas. Simultaneamente, o concelho de Vila Nova de Famalicão ganha um veículo de promoção e de valorização de um dos seus maiores ícones: Camilo Castelo Branco. Neste caso concreto, importa ainda assinalar a valorização que se faz da cultura e da literatura portuguesa através de uma forma simples mas eficaz”, afirmou o autarca.

O objetivo é imprimir imagens e pensamentos de Camilo Castelo Branco em 60 mil sacos de papel disponíveis nas mais de duas dezenas de padarias e pastelarias da panificadora, sendo que a iniciativa será apresentada quarta-feira, no âmbito de mais uma jornada do Roteiro Famalicão Made IN.

A autarquia destaca ainda que a panificadora famalicense, nascida em 1970 nas proximidades da Casa de Camilo, situada em Seide S. Miguel, tem já uma “ligação estreita” com o universo camiliano com a produção do Pão de Camilo, produzido como nos” velhos tempos” com adição de “isco” (massa fermentada) e com a massa a repousar um elevado número de horas.

Atualmente a panificadora conta com 135 colaboradores e tem 23 lojas abertas ao público, sendo que em 2016 o volume de negócios atingiu os 4,4 milhões de euros.

A iniciativa Famalicão Made IN é uma das “grandes apostas” do município de Vila Nova de Famalicão para promover o desenvolvimento económico do concelho, baseada na promoção de um “contexto municipal facilitador” da iniciativa empresarial, procura “valorizar e promover a genética empreendedora do município, captar novos investimentos e auxiliar os empresários famalicenses a promoverem e desenvolverem os seus projetos empresariais”.

*Lusa / Foto: bloguedominho.blogs.sapo.pt

Comentar