Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Janeiro 28, 2020

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Património sineiro foi mote para tertúlia em Alcafozes, concelho de Idanha-a-Nova

Património sineiro foi mote para tertúlia em Alcafozes, concelho de Idanha-a-Nova
José Lagiosa

Maria Adelaide Salvado e Tom Hamilton foram os convidados da décima tertúlia promovida pela Associação Raia Gerações e pela Misericórdia de Alcafozes realizada, na sexta feira, 6 de maio, nesta localidade.

A temática era a valorização do património sineiro do concelho de Idanha-a-Nova.

A abertura desta reunião foi uma deslocação  à igreja matriz, onde está localizada a torre sineira.

O mestre sineiro local António José em jeito introdutório, demonstrativo e elucidativo deste singular saber-fazer, tocou as Avé Marias.

No maravilhoso espaço da Misericórdia, Tom Hamilton  apresentou uma “viagem sonora” pelos toques de sinos do distrito de Castelo Branco, uma sensibilização para a urgente necessidade de resgatar este património.

No segundo momento da tertúlia, Maria Adelaide Salvado complementou alguns dos aspetos destas paisagens sonoras sineiras e suas importâncias, ampliou e sistematizou de forma notável as relações entre a cultura popular e suas dimensões  simbólicas e profiláticas associadas aos sinos (trovoadas, afugentos).

No final houve espaço para um convívio em torno de um lanche com iguarias do concelho e lançou-se o mote para uma próxima tertúlia sobre este mesmo património noutras localidades…

 

Comentar