Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Junho 5, 2020

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Autárquicas: Candidato do PSD acusa Câmara de Castelo Branco de ter gestão “opaca”

Autárquicas: Candidato do PSD acusa Câmara de Castelo Branco de ter gestão “opaca”
José Lagiosa

O candidato à Câmara de Castelo Branco pelo PSD, Carlos Almeida, disse hoje que um dos temas fortes da campanha tem a ver com a transparência na gestão municipal, que acusa de ser “opaca”.

“A mim parece-me que, infelizmente, um dos temas fortes desta campanha tem a ver com a transparência e com o facto de termos vindo a ser confrontados permanentemente com novos dados relativamente à gestão opaca da Câmara Municipal de Castelo Branco”, afirmou Carlos Almeida.

O candidato do PSD, que falava à agência Lusa no início de uma arruada que se dirigiu para um dos bairros da cidade, Quinta Dr. Beirão, falou mesmo no “favorecimento de um conjunto de pessoas” que se movimentam muito próximo da câmara local, “alguns deles com cargos e outros familiares”.

“Que fique bem claro que não é o PSD que está por trás destas notícias porque se o PSD tivesse conhecimento destes dados, assumiria publicamente e denunciaria publicamente estas situações. Agora o PSD, sendo confrontado com os dados neste momento, lamenta profundamente”, sublinhou.

Carlos Almeida explicou que a questão da transparência na gestão autárquica vem ao encontro daquilo que já tinha chamado à atenção no passado e que diz respeito ao índice de transparência municipal: “Castelo Branco posiciona-se na posição 171, o que não é nada dignificante para os albicastrenses.

Adiantou ainda que tem andado na rua e falado com milhares de pessoas, quer na cidade, quer nas freguesias, e dá conta de que há uma vontade de mudança.

“Damos conta que efetivamente há uma vontade de mudança, por várias razões. Uns vão manifestando desagrado pelo pouco cuidado do seu bairro, outros vão manifestando desagrado pela gestão pouco transparente. Mas há uma questão incontornável que tem a ver com a falta de emprego qualificado que existe em Castelo Branco e com a falta de esperança que existe para os jovens”, notou.

O candidato social-democrata disse que tem apresentado um conjunto de propostas “pela positiva” e que acredita que a sua candidatura sairá vitoriosa no dia 01 de outubro.

“Eu conto com todos os albicastrenses, independentemente de terem votado em mim ou não. Mas eu conto com todos para que o concelho, no final do próximo mandato, se posicione no top três dos oito concelhos capitais interiores do país”, concluiu.

Nas eleições autárquicas, são candidatos à Câmara de Castelo Branco o atual presidente da Câmara, Luís Correia (PS), Carlos Almeida (PSD), Ana Maria Leitão (CDU), José Pedro Sousa (CDS-PP) e Luís Barroso (BE).

*Lusa

Comentar