Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Janeiro 28, 2020

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Idanha-a-Nova baixa IRS em 2,5% e distribui o restante para apoios sociais

Idanha-a-Nova baixa IRS em 2,5% e distribui o restante para apoios sociais
José Lagiosa

A Câmara de Idanha-a-Nova vai baixar o Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Singulares (IRS) em 2,5%, sendo que os restantes 2,5% revertem para apoios sociais, foi hoje anunciado.

“Os residentes [no concelho] vão beneficiar de um desconto de 2,5% em sede de IRS, sendo os restantes 2,5% da coleta da autarquia canalizados para apoios sociais”, refere em comunicado este município do distrito de Castelo Branco.

A autarquia presidida por Armindo Jacinto (PS) explica que irá manter em 2018 o Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) nos 0,3% para prédios urbanos e 0,8% para os prédios rústicos, os valores mais baixos que o código do IMI permite.

“As famílias vão beneficiar de uma redução do IMI em 20 euros se tiverem um dependente a cargo, de 40 euros se tiverem dois ou de 70 euros no caso de terem três ou mais dependentes”, sublinha.

Já em relação às empresas, mantêm a isenção da derrama municipal no próximo ano e a taxa municipal de direitos de passagem foi fixada em 0,25%.

“Refira-se que estas medidas de discriminação positiva representam um esforço da Câmara de Idanha-a-Nova para aliviar a carga fiscal da população e das empresas locais, favorecendo quem opta por viver e investir no concelho”, sustenta.

*Lusa

Comentar