Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Fevereiro 24, 2020

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

São Miguel de Acha acolheu 8º Festival de Vinhos e Licores

São Miguel de Acha acolheu 8º Festival de Vinhos e Licores
José Lagiosa

O 8º Festival de Vinhos e Licores, em São Miguel de Acha, foi o palco perfeito para receber os melhores aromas e sabores do outono, nos dias 11 e 12 de novembro.

Durante o fim de semana, foram muitos os visitantes que aproveitaram o São Martinho para visitar esta bonita aldeia: degustaram os vinhos e licores, deliciaram-se com produtos regionais e divertiram-se com a animação cultural.

O presidente da Câmara de Idanha-a-Nova explicou que este festival insere-se no ciclo de certames temáticos organizados nas freguesias do concelho.

“Com estes eventos pretendemos dinamizar a nossa microeconomia e os mercados de proximidade, sempre com muita música e cultura, ou não fossemos Cidade Criativa da UNESCO na área da Música”, afirmou Armindo Jacinto.

O autarca, que falava na abertura do festival, realçou a qualidade dos vinhos e dos licores locais.

O objetivo é que “os produtores possam continuar a profissionalizar-se”, disse, lembrando que “já há bons exemplos de vinhos e licores de São Miguel de Acha que levam muito longe os nomes de Idanha e de Portugal”.

Mas não só de vinhos e licores se fez este festival. Desde espetáculos de fado a música tradicional, passando por magustos e passeios pedestres, sem esquecer o tradicional soventre, a animação foi permanente.

O presidente da Junta de Freguesia de São Miguel de Acha agradeceu a todos os expositores e visitantes. Jorge Joia apelou à população para que “colabore cada vez mais neste festival de forma a ser sempre de grande qualidade”.

A ‘Maior Sangria de Vinho Tinto de Portugal’, com 42 litros, foi um dos destaques destes dois dias. A degustação aconteceu no domingo a acompanhar o magusto tradicional.

Outros dos momentos mais concorridos foi o Concurso de Vinhos e Licores, coordenado pela Escola Superior de Gestão de Idanha-a-Nova. Este ano o melhor vinho foi o Braveformula de Duarte Matos, colheita de 2016. Nos licores venceu o Licor de Bolota do Restaurante Cabra Preta.

Inauguração do certame

Concurso de Vinhos:

1º Braveformula 2016, de Duarte Matos

2º Quinta dos Sesmos 2016, de Emília Sousa

3º Quinta da Ramalheira 2016, de Alberto Vaz

 

Concurso de Licores:

1º Licor de Bolota, do Restaurante Cabra Preta

2º Licor de Poejo, de Alberto Vaz

3º Ginja Picante, de António Alexandre

 

Comentar