Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Abril 8, 2020

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Varzim e Covilhã sem eficácia para desmontar o nulo

Varzim e Covilhã sem eficácia para desmontar o nulo
José Lagiosa

Varzim 0 – Covilhã 0

Varzim e Covilhã empataram hoje, 0-0, em jogo 13.ª jornada da II Liga portuguesa de futebol em que os poveiros foram dominadores perante um adversário que apostou na contenção para conquistar um ponto.

Pressionado a vencer para fugir aos lugares descida, e contando que desde que o técnico Nuno Capucho foi contratado a equipa ainda tinha somado qualquer vitória nos três jogos anteriores, o Varzim entrou dominador no jogo, criando várias situações para marcar.

A primeira ameaça surgiu logo aos quatro minutos num remate perigoso de Jimenez, respondendo de seguida o Covilhã com uma finalização de primeira de Erivelto após cruzamento de Diarra.

Perante uma formação serrana na expectativa, o conjunto poveiro teve mais quatro ocasiões até ao intervalo, duas por intermédio de Nelsinho, uma por Malele e num livre perigoso de Jean.

Nos últimos dez minutos do primeiro tempo, nas poucas vezes em que incomodou a defensiva varzinista, o Covilhã tentou o golo com remates de Diarra e Fati, mas insuficientes para alterar o nulo no descanso.

A toada da partida manteve-se na segunda parte, sendo certo que o Varzim não foi tão perigoso e revelou muitas dificuldades para desmontar a bem organizada defensiva do Covilhã.

O reatar até foi promissor para os locais, com um desvio de Malele a um cruzamento de Baba Seck, mas o tempo foi passando e a equipa apenas ameaçou de meia distância.

Confortável com o empate, a formação orientada por José Augusto ensaiou alguns contra-ataques, e, num desses lances, na sequência de um cruzamento de Erivelto, poderia ter conseguido a vitória, mas Reinildo, sem oposição, falhou incrivelmente o cabeceamento na pequena área, mantendo o ‘nulo’ até ao final.

Jogo no Estádio do Varzim SC, na Póvoa de Varzim.

Varzim – Covilhã, 0-0.

Ao intervalo 0-0.

Equipas:

– Varzim: Paulo Vítor, Jean, Nelson Agra, Jeferson, Rui Coentrão, Estrela, Nelsinho, Pintassilgo (Fábio Fonseca, 77), Jimenez (Ruan, 59), Malele (Diogo Ramos, 66) e Baba Seck.

(Suplentes: Marinho, Kaká, Diogo Ramos, Milhazes, Mário Sérgio, Fábio Fonseca, Ruan).

Treinador: Nuno Capucho.

– Covilhã: Igor Rodrigues, João Dias, Zarabi, Joel, Paulo Henrique, Gilberto, Diarra, Indio (Raul, 59), Fatai (Hudson, 68), Erivelto e Reinildo (Djikine, 90+1).

(Suplentes: Igor Araújo, Amadú Turé, Renato, Djikine, Hudson, Gerson, Raul).

Treinador: José Augusto.

Árbitro: André Narciso (Setúbal).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Reinildo (23), Paulo Henrique (40), Pintassilgo (42), Joel (78), Fábio Fonseca (83) e Ruan (85).

Assistência: cerca 1.000 espetadores.

*Lusa

Comentar