-0.4 C
Castelo Branco
Sábado, Janeiro 16, 2021
No menu items!
Início Nacional Costa admite alterar licenças de descargas para indústria da celulose no Tejo

Costa admite alterar licenças de descargas para indústria da celulose no Tejo

O primeiro-ministro, António Costa, comprometeu-se hoje, no parlamento, a alterar as licenças de descargas das celuloses por não estarem adaptadas ao caudal no rio Tejo, afetado nos últimos dias por descargas poluentes na zona de Abrantes.
A promessa de Costa foi feita em resposta a uma pergunta da coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, que pediu “uma palavra forte” a António Costa sobre o assunto, questionando se a imposição de reduzir a produção por dez dias não poderá ser vista como uma “medida cosmética”.
“É cosmética ou [a indústria de celulose) é obrigada a reduzir a produção?”, perguntou Catarina Martins.
Na resposta, António Costa garantiu tratar-se de uma “medida cautelar que terá necessariamente continuidade se não tiver alteração”, admitindo as alterações às licenças de descarga.
Para o chefe do Governo, o Tejo tem “um caudal inferior à capacidade de tratamento” dos poluentes produzidos pela indústria, que responsabiliza pelas descargas da última semana.
Antes, Catarina Martins afirmou que este problema exige “uma palavra muito forte para travar a produção das celuloses cujos efluentes não são tratados e são comprovadamente culpados pela situação” no rio Tejo, em Abrantes.
*Lusa / Foto: MadreMedia

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: