19.4 C
Castelo Branco
Sexta-feira, Setembro 25, 2020
No menu items!
Início Sem Categoria Eutanásia: BE disponível para “correções” ao projeto em nome de “consensos alargados”

Eutanásia: BE disponível para “correções” ao projeto em nome de “consensos alargados”

A coordenadora do BE manifestou-se hoje disponível para “correções” ao projeto-lei sobre despenalização da morte medicamente assistida com vista a “consensos alargados” no parlamento, considerando que “é indigno” um país que negue essa opção aos cidadãos.
“É tão digno o fim de vida de quem decide suportar todo o sofrimento, como é digno o desejo de antecipar a morte para parar esse sofrimento que se considera inútil e irremediável. O que é indigno é um país que negue essa opção a quem quiser controlar o seu fim de vida”, defendeu Catarina Martins, no encerramento de uma conferência organizada pelo BE sobre a despenalização da morte assistida.
A coordenadora do BE fez questão de salientar que o projeto do BE sobre esta matéria — hoje apresentado e que será entregue nos próximos dias no parlamento — visa “despenalizar e regulamentar a morte medicamente assistida”, permitindo que os profissionais de saúde que participem nesse processo a pedido dos doentes deixem de poder ser sujeitos a uma pena de prisão até três anos.
“O projeto de lei do BE vai entrar agora no parlamento, vai seguir o seu rumo de debate e é bom que possamos debater cada aponto afincadamente, com mais propostas se existirem e corrigindo, chegando a consensos que sejam alargados sobre todos estes pontos, mas sem fantasmas, sem confundir o que não deve ser confundido”, defendeu.
Às críticas de que o diploma pode conter algum excesso de burocracia, Catarina Martins considerou este “um defeito que é a qualidade” necessária neste momento.
“O que estamos a fase é nem mais nem menos do que despenalizar e regular a morte medicamente assistida quando ela é pedida reiteradamente por alguém que tem uma doença incurável e está a reportar um sofrimento intolerável”, balizou, defendendo que “os dramas privados” dos cidadãos também exigem respostas políticas.
* Lusa / Foto: Nuno Fox / Lusa

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

Candidato Presidencial Tiago Mayan visita Coimbra

Iniciativa Liberal Coimbra coordena um programa focado nos temas da Saúde, Empreendedorismo, Educação e Economia Tiago Mayan, candidato...

Partido Aliança realiza 2º Congresso este fim de semana em Torres Vedras

O Partido Aliança realiza o 2º Congresso Nacional, amanhã e domingo em Torres Vedras. Neste Congresso o Aliança vai...

Presidente do Fórum da Energia e Clima diz que coronavírus resulta de agressão à natureza

O presidente do Fórum da Energia e Clima considerou hoje que o coronavírus se junta às centenas de doenças novas que surgiram...

Zona histórica de Castelo Branco ganha estatuto de “zona de coexistência” na Semana Europeia da Mobilidade

Ruas encerradas ao trânsito, sinalética com regras especiais de mobilidade eatividades de motivação para o uso de bicicletas.

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: