11.2 C
Castelo Branco
Segunda-feira, Setembro 28, 2020
No menu items!
Início Cultura Porque hoje é Dia Internacional da Mulher

Porque hoje é Dia Internacional da Mulher

O CANSAÇO DO AMOR (Todos os dias)

Deita-se na cama
como quem fez nada.
Pesa-lhe o corpo.
Como está cansada!
Não cavou a horta,
não carregou barro,
não pintou a casa
e está quase morta!
Não puxou ao carro
e a cabeça em brasa.
Porque está cansada?
Não varreu a rua,
não bateu no aço
nem sequer foi mãe
mas desfez-se em água!
Sente a carne nua,
falta-lhe um abraço,
um beijo também,
no cansaço-mágoa.
Não foi caracol
carregando a casa
nem um criador
carregando a vida.
Sente-se comprida
e a ligeira dor
sobe pela asa
presa num anzol.
Não foi na traineira
mal a madrugada
acordou consigo
mas está cansada
como pó de trigo
depois da peneira.
Só acordou cedo
porque alguém chamou
para fazer chichi
mas depois dormiu.
Não sabe. Sonhou?
Não recorda nada.
Levantou-se.
Às crianças fez a papa,
lavou caras.
Pô-las a recato
e foi trabalhar.
Porque está cansada?
Porque quer parar?
Viu números, letras.
Fez contas, mais nada.
Bebeu um café.
Ouviu falar muito
e também falou
para se distrair.
Porque está cansada?
Porque quer dormir?
Veio para casa à uma.
Almoçou sozinha.
Esticou as pernas
no chão da cozinha.
Quase não fez nada
e está tão cansada!
Foi beber a bica,
depois trabalhou.
Muitos números, letras,
uma ou outra conta
e a cabeça tonta,
o corpo que fica
onde se sentou.
Trouxe as crianças
de volta para casa.
Deixou-as brincar
até ao jantar.
Foi pô-las na cama
para ver a novela.
Fechou a janela
que corria o ar.
E a máquina parou.
Estendeu a roupa
para depois passar.
Lavrou no tricô.
Está a descansar.
Está a descansar?!
Não pode, não pode!
Não está cansada!
Quase não fez nada!
Puxou o arado?
Rebocou paredes?
Remendou as redes?
Foi tratar do gado?
Não fez nada disto,
porque está cansada?
Tem o peito em rama
e a pele dorida.
Dói-lhe a sua ausência,
um beijinho manso.
Deitada na cama
como pesa a vida!
Dói-lhe a sua ausência?
Vai ver se descansa
deste muito e nada
de ser mãe, mulher
e estar deitada
sem o seu calor.
Sabe estar cansada
mas é sem querer.
É só por amor.

*José Dias Pires

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

Covid-19: Festas de Natal e Fim do Ano na Madeira vão acontecer com adaptações

O secretário do Turismo da Madeira afirmou hoje que os concursos para as tradicionais festas de Natal e Fim de Ano na...

21 x 365 = 7665 Dias Alma Azul – Bem Hajam

Professor Joaquim Martins Há pessoas que nos marcam para sempre; ou porque partilhámos Leituras e momentos felizes; ou...

Paulo Bento substitui Santana Lopes na liderança do partido Aliança

O antigo vereador da câmara de Torres Vedras Paulo Bento substitui hoje Pedro Santana Lopes como presidente do partido Aliança após a...

TOOLTO lança Solutioneer, nova plataforma para regularização de sinistros

A TOOLTO – Super Assistência, start-up portuguesa da área dos serviços de mobilidade e Insurtech, acaba de lançar a nova plataforma Solutioneer, que acelera...

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: