Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Outubro 19, 2019

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Da paixão entre aldeia portuguesa e grupo homónimo galego nasceu um concerto

Da paixão entre aldeia portuguesa e grupo homónimo galego nasceu um concerto
José Lagiosa

Linhaceira está a comemorar o centenário da sua escola. As galegas Liñaceira quiseram ajudar à celebração e voltaram a reunir o seu grupo de música tradicional para um concerto na noite de 31 de Março naquela aldeia tomarense.

Quando uma aldeia portuguesa e um grupo de música galego descobriram que têm o mesmo nome, o resultado só podia ser uma paixão mútua.

A comemorar um século da sua escola, a aldeia da Linhaceira, no concelho de Tomar, deitou mãos à obra para ir à procura das suas raízes e o resultado foi a publicação de dois livros e a criação de um blogue que completa no dia 24 de Março cinco anos de publicações diárias ininterruptas com artigos sobre a História local em https://bibliotecalinhaceira.blogspot.pt .

No âmbito da investigação para esse trabalho, os seus autores descobriram um grupo galego de música tradicional, que entretanto terminara mas tivera uma expressão importante há alguns anos atrás, chamado precisamente Liñaceira.

A curiosa coincidência levou à tentativa de contacto, que deu frutos.

Mas se a ideia era apenas a possibilidade de dar eco público dessa coincidência durante as comemorações, as intérpretes quiseram chegar mais longe e sugeriram voltarem a juntar-se para um concerto na aldeia homónima.

Agora, o espectáculo vai ser uma realidade na noite de 31 de Março, sábado, no Salão Multiusos da Linhaceira.

Com entrada gratuita, até porque o grupo, generosamente, fez questão de não cobrar cachet.

Na ocasião serão entregues os prémios do concurso de fotografia alusivo ao Carnaval da aldeia, outra actividade do Centenário.

Uma sementeira simbólica de linho, um prémio literário e a recriação de um dia na aldeia há um século atrás são mais algumas das iniciativas a realizar no âmbito do mesmo.

Para além do restauro de uma película histórica: um filme dos anos 1950, com a participação de Raul Solnado, gravado na escola da aldeia.

O Centenário das Escolas na Linhaceira é uma iniciativa conjunta da Associação de Pais e Amigos das Escolas de Linhaceira, da Associação Cultural e Recreativa de Linhaceira, da Junta de Freguesia de Asseiceira e do Município de Tomar.

 

 

Comentar