19.3 C
Castelo Branco
Domingo, Junho 20, 2021
No menu items!
InícioNacionalAntónio Fernandes tomou posse como presidente do Instituto Politécnico de Castelo Branco

António Fernandes tomou posse como presidente do Instituto Politécnico de Castelo Branco

A cerimónia de Tomada de Posse de António Fernandes como presidente do Instituto Politécnico de Castelo Branco (IPCB) decorreu na sede da instituição, no passado dia 10 de maio, no auditório Comenius.
A cerimónia, integrada em reunião aberta do conselho geral do IPCB, reuniu um lote muito alargado de individualidades da cidade, do distrito e do país que, desta forma, assistiram à passagem de testemunho entre Carlos Maia, presidente cessante e António Fernandes, vencedor das eleições ao cargo.
Perante um auditório apinhado, onde não faltaram, igualmente, representantes dos alunos, coube a Vítor Santos, presidente do conselho geral, o uso da palavra, no qual agradeceu o imenso e profícuo trabalho de Carlos Maia, presidente cessante, desenvolvido ao longo dos nove anos de dedicação e grande esforço, num período difícil para os estabelecimentos do ensino politécnico e desejando as melhores felicidades ao novo presidente.

Carlos Maia e António Fernandes cumprimentam-se na hora da passagem de testemunho

Por seu lado, Carlos Maia, nitidamente emocionado, limitou-se a agradecer a todos aqueles que de alguma forma contribuíram durante, os nove anos dos seus mandatos, para que o Politécnico de Castelo Branco se afirmasse na cidade, na região e no país.
Por último o agora empossado presidente António Fernandes, garantiu que “poderão estar absolutamente certos que o mandato que hoje se inicia será pautado por total empenho e independência, e cooperação plena com o conselho geral, com as Unidades Orgânicas do IPCB e com todos os parceiros externos”.
“Prometo humildade perante os novos e complexos desafios. Humildade para aceitar toda a inspiração de todos os membros do conselho geral, de todos os docentes e trabalhadores não docentes, dos estudantes e dos parceiros do IPCB”, assegurou António Fernandes.
O novo presidente da instituição alertou ainda que “é preciso apostar na qualificação necessária e o IPCB cá estará para responder aos desafios da região e do país”.
Depois de abordar a questão da sustentabilidade financeira, o novo presidente afirmou que “caberá ao IPCB promover as mudanças estruturais internas indutoras a uma instituição mais capaz e melhor preparada. Não podemos resistir à tentação interna de adiar a resolução dos problemas”.
A nova equipa: Luís Pinto de Andrade, vice-presidente, António Fernandes, presidente, Maria Eduarda Rodrigues, administradora e Nuno Castela, vice-presidente

António Fernandes terminou com uma mensagem de esperança quando afirmou que “vislumbro para o IPCB uma instituição ativa, com pessoas capazes de promover e fortalecer sinergias internas e externas, locais e regionais, nacionais e internacionais, cooperar efectivamente com as comunidades intermunicipais, com os municípios da região, com as instituições sociais e culturais, com as organizações empresariais, industriais e comerciais, com instituições de ensino superior”.
Fotos: beiranews.pt (capa) e IPCB
 
 

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: