14.9 C
Castelo Branco
Domingo, Junho 20, 2021
No menu items!
InícioCulturaAntónio Carlos Cortez vence Grande Prémio de Poesia Teixeira de Pascoaes

António Carlos Cortez vence Grande Prémio de Poesia Teixeira de Pascoaes

 O livro “A dor concreta”, de António Carlos Cortez, é o vencedor da edição deste ano do Grande Prémio de Poesia Teixeira de Pascoaes da Associação Portuguesa de Escritores (APE), anunciou hoje aquela entidade.
O prémio foi decidido, por unanimidade, por um júri constituído por Daniel Jonas, Isabel Cristina Mateus e pelo presidente da APE, José Manuel Mendes.
Sobre a obra de António Carlos Cortez, o júri destacou a “(…) a solidez de um percurso que, evoluindo, se reconfigura em cada momento, caminhando para um depuramento crescente da linguagem poética”, lê-se num comunicado da APE.
Este galardão tem o valor de 12.500 euros e destina-se a galardoar anualmente uma obra escrita em português por um autor nacional que seja publicada na íntegra e em primeira edição, assim como obras completas de poesia ou antologias poéticas de autor.
À edição deste ano do galardão coordenado pela APE, com o patrocínio da Câmara Municipal de Amarante, concorreram obras publicadas em 2017, a título excecional, e 2016.
Nascido em Lisboa, em 1976, António Carlos Cortez é poeta, ensaísta e professor de literatura portuguesa e português no Colégio Moderno, em Lisboa.
O poeta é ainda investigador do Centro de Literatura de Expressão Portuguesa e Lusófona da Universidade de Lisboa (CLEPUL), consultor do Plano Nacional de Leitura, do Clube UNESCO para a Literatura em Portugal e crítico de poesia do Jornal de Letras e das revistas Colóquio/Letras e Relâmpago.
“A dor concreta” está editado pela Tinta-da-China e a cerimónia de entrega do prémio ainda não tem data marcada.
“Arrancar penas a um canto do cisne”, de Luís Quintais, foi a obra premiada na edição 2017 do galardão.
*Lusa / Foto: / ufopa.edu.br

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: