18.8 C
Castelo Branco
Domingo, Junho 13, 2021
No menu items!
InícioInternacionalSecretário de Estado das comunidades portuguesas visitou Vila de Rei para a...

Secretário de Estado das comunidades portuguesas visitou Vila de Rei para a assinatura de protocolo

A Biblioteca Municipal José Cardoso recebeu, na manhã de 27 de julho, a assinatura do protocolo de Colaboração entre o Município de Vila de Rei e a Direção Geral de Assuntos Consulares e das Comunidades Portuguesas (DGACCP), que prevê um reforço das competências e dos apoios prestados pelo Gabinete de Apoio ao Emigrante de Vila de Rei.
A sessão contou com a presença do presidente do Município Vilarregense, Ricardo Aires, do secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, José Luís Carneiro, e do Embaixador e diretor-Geral de Assuntos Consulares e das Comunidades Portuguesas, Júlio Carranca Vilela, em representação do Ministério dos Negócios Estrangeiros.
Com este protocolo, o Município, que dispõe já de um espaço físico, com os devidos meios humanos, a funcionar no edifício dos Paços do Concelho, para conceber uma estrutura de apoio ao cidadão emigrante, passa a dispor de meios para a criação de ações que apoiem, incentivem e acompanhem os cidadãos que regressam com caráter definitivo ao país de origem, facilitando a sua reintegração social e profissional.
O Município de Vila de Rei e a DGACCP comprometem-se ainda a colaborar com o Gabinete de Apoio ao Investidor da Diáspora, assegurando a informação adequada para a concretização de negócios em Portugal e facilitando o contacto entre investidores e entidades nacionais, e, simultaneamente, de divulgar as ofertas turísticas como valorização do território, captando, eventualmente, novos investimentos neste sector de atividade.

José Luís Caneiro, Júlio Carranca Vilela (sentados) e Ricardo Aires no uso da palavra

Durante o seu discurso, o presidente da Câmara Municipal Ricardo Aires, salientou que “este protocolo vai ser de relevante importância para os nossos emigrantes que ainda se encontram nos países de acolhimento ou que já tenham regressado definitivamente a Portugal. O desenvolvimento começa com pequenos passos, mas firmes, em projetos e intervenções no Interior do País. Um destes passos é sem dúvida a criação do Gabinete de Apoio ao Emigrante no nosso Município, onde esperamos apoiar o regresso dos que partiram e dos que continuam longe das suas famílias, para que possam usufruir de maiores níveis de bem-estar.”
O secretário de Estado José Luís Carneiro começou por deixar uma “mensagem de boa viagem de regresso aos muitos emigrantes que hoje regressam de férias para rever familiares e amigos.”
De seguida, destacou algumas das vantagens da implementação dos Gabinetes de Apoio ao Emigrante, “numa nova dimensão voltada para o investimento dos emigrantes nas suas terras de origem, que pode promover a dinamização da economia e a criação de emprego. Existem muitos portugueses que venceram as adversidades e se tornaram grandes empresários nos seus países de acolhimento que, com o trabalho de apoio e acompanhamento dos Gabinetes de Apoio ao Emigrante, podem investir nos seus territórios de origem, internacionalizar a sua marca e contribuir para uma maior coesão social, económica e territorial.”

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: