Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image

BeiraNews | Outubro 23, 2018

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Presidentes dos três Agrupamentos de Escola de Castelo Branco louvaram a iniciativa “Magia para Crianças”

Presidentes dos três Agrupamentos de Escola de Castelo Branco louvaram a iniciativa “Magia para Crianças”
José Lagiosa

Os presidentes dos Agrupamentos de Escola Amato Lusitano, Afonso de Paiva e Nuno Álvares, João Belém, Rui Duarte e António Carvalho, respetivamente, foram unânimes em louvar a iniciativa do Beiranews, “Magia para Crianças”, que decorreu na terça-feira, no Cine-Teatro Avenida e que envolveu cerca de 800 crianças.

O Beiranews realizou na passada terça-feira, uma iniciativa destinada às crianças e alunos dos três Agrupamentos de Escola de Castelo Branco, “Magia para Crianças”, que envolveu, em duas sessões realizadas no Cine-Teatro Avenida, cerca de 800 crianças.

Os responsáveis dos agrupamentos elogiaram esta ligação entre um projeto jornalístico online e a escola, com atividades sócio-culturais e que contribuem para “uma educação com evolução do conhecimento, com liberdade e responsabilidade”.

“Este tipo de iniciativas pode motivar as crianças a aceitar e encorajar maneiras alternativas de olhar as questão ou os problemas, reforçar tentativas de soluções invulgares tolerando a divergência, compreendendo opiniões diferentes. Na educação o desenvolvimento da criatividade é uma competência transdisciplinar e em virtude disso devemos desenvolver competências que facilitem todo um clima criativo em contexto educacional”, explicou o presidente do Agrupamento de Escolas Amato Lusitano, João Belém.

Já o presidente do Agrupamento de Escolas Nuno Álvares, António Carvalho, sublinhou que se trata de uma iniciativa “muito relevante para as crianças do seu agrupamento, por se tratar de uma atividade extracurricular que suscitou um grande interesse e adesão por parte dos alunos.

“Para além do aspeto lúdico e de entretenimento que o espetáculo representa, irá fomentar o espírito criativo, de descoberta e de imaginação que a magia sempre provoca, principalmente nas crianças. Estas são estratégias muito importantes para o seu desenvolvimento global”, disse.

António Carvalho realçou ainda que é fundamental que toda a comunidade escolar conheça e participe em projetos desta natureza e adiantou que dessa forma valorizam ainda mais o trabalho desenvolvido pelos órgãos de comunicação social e tornam-se não apenas “consumidores” do que eles produzem como percebem que podem ser igualmente “produtores” de conteúdos.

O presidente do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva, Rui Duarte explica que a magia tem um grande poder de atração sobre todos, mas especialmente obre as crianças.

“Tem, por certo, um especial impacto no seu desenvolvimento integral, na sua criatividade, na sua imaginação e mecanismo de atenção/concentração no decurso da realização do(s) truque(s) e em todos os momentos que envolvem a ilusão e a magia”, frisou.

Este responsável adiantou que as escolas que o seu agrupamento tem “plena abertura” a iniciativas, propostas e desafios da comunidade educativa, sempre que considerem que as mesmas podem melhorar aumentar e beneficiar o nível de vivências e de aprendizagens das crianças e jovens.

*Carlos CasTela / Fotos; Beiranews

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentar