16.1 C
Castelo Branco
Domingo, Setembro 27, 2020
No menu items!
Início Nacional CDS arranca jornadas parlamentares em Braga com visita a fábrica e hospital

CDS arranca jornadas parlamentares em Braga com visita a fábrica e hospital

O CDS-PP inicia hoje as suas jornadas parlamentares em Braga, dedicadas à segurança interna e Europa, com visitas a uma empresa da industria têxtil e ao hospital da cidade.
O hospital de Braga, até agora gerido por uma parceria público-privada e que o Governo admite passar para a gestão do Estado, é, nas palavras do líder parlamentar do partido, Nuno Magalhães, “uma das vítimas desta maioria de esquerda que impõe as suas convicções, impõe a sua ideologia”.
À tarde, o líder parlamentar centrista, Nuno Magalhães, abre as jornadas, que decorrem num hotel da cidade, seguindo-se um o artigo 13.º da Diretiva Europeia dos Direitos de Autor.
Este artigo prevê o uso de filtros automáticos que bloqueiam previamente as publicações cujos conteúdos violam os direitos de autor e deu origem a receios, por parte de ‘youtubers’, como o português Wuant, que pode acabar com a Internet, versão contrariada pela Comissão Europeia.

Está ainda previsto outro debate, este sobre os fundos de coesão da União Europeia, moderado pelo deputado e candidato europeu Pedro Mota Soares, com Nuno Melo, que será de novo cabeça de lista do partido nas europeias de maio, e ainda João Machado.
Na terça-feira, o tema é a segurança, a vários níveis, da proteção civil à policial. José Manuel Moura, que fez parte do observatório técnico independente, fala sobre proteção civil, e Carlos Anjos, ex-inspetor da Polícia Judiciária, é outro dos participantes.
“A insegurança e o vandalismo” são temas que “têm preocupado muito os portugueses, sobretudo os que vivem nas áreas metropolitanas de Lisboa, Porto e Setúbal”, disse Nuno Magalhães.
Braga é um distrito “muitíssimo importante, onde o CDS tem muita tradição”, justificou aos jornalistas o líder parlamentar dos centristas, Nuno Magalhães, numa referência aos resultados obtidos naquele círculo, onde, em 2015, o partido elegeu três deputados, em coligação com o PSD.
Em 2011, quando concorreram sozinhos e Paulo Portas era líder do partido, os centristas conseguiram 10,37% dos votos, elegendo dois deputados, os mesmos que em 2009, com 10,39%. Um deles era Altino Bessa, um dos atuais críticos da líder do partido, Assunção Cristas.
A líder do CDS-PP, Assunção Cristas, encerra as jornadas, na terça-feira.
*Lusa / Foto: TIAGO PETINGA

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

Portugal deve liderar movimento europeu contra armas nucleares

O Dia Internacional para a Eliminação Total das Armas Nucleares, uma oportunidade para relembrar e reafirmar o firme esforço para promover o...

Portugal será importante beneficiário do fundo de recuperação afirma Von der Leyen

A presidente da Comissão Europeia garante que “a União Europeia está solidária com Portugal” face à crise provocada pela pandemia da covid-19,...

Covid-19: Espaços infantis privados vazios e com o futuro incerto

Há seis meses que os risos das crianças desapareceram do Anima Park e do Hello Park, dois dos espaços infantis privados que...

Covid-19: Idosos não podem ser condenados a prisão perpétua considera virologista

O virologista João Vasconcelos Costa considerou hoje que os surtos de covid-19 nos lares são o “grande problema” neste momento, mas alertou...

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: