Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Dezembro 9, 2019

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Enchido foi “rei” na Festa das Varas do Fumeiro em Aranhas

Enchido foi “rei” na Festa das Varas do Fumeiro em Aranhas
José Lagiosa

Terminou a Festa das Varas do Fumeiro, em Aranhas, concelho de Penamacor, certame no qual o enchido foi “rei” durante três dias.

No sábado, dia 19 de janeiro, apesar das condições climatéricas adversas, o Desfile das Varas, acompanhado por grupos espontâneos de tocadores de concertina e acordeão do concelho que animaram esta parada, teve grande afluência.

Posteriormente foi lida, a Carta do Fumeiro, documento que pretendeu recriar a carta régia que outrora autenticava este tipo de feiras, seguida do Leilão das Varas.

Os Chibatas, os Tok’Avakalhar, o grupo de teatro Os Fotógrafos e os Celtitando estiveram encarregues da animação de rua durante o dia.

Pelas 17:30, atuou, no adro da igreja, o Grupo de Sevilhanas de Eljas e, pelas 22:00, o Grupo de Musica Tradicional “Sons do Tempo” deu um concerto no Lagar da localidade.

Registo, ainda, para o atelier de gastronomia, que decorreu pelas 17:00.

O certame terminou, ontem, domingo, dia 20.

No último dia do certame, a festa arrancou às 11:00 com a animação de rua, durante o dia, a estar a cargo dos Bombos e Adufes da Casa do Povo do Paul e dos Manta de Ourelos.

Pelas 15:00, decorreu o XX Festival de Folclore, com a participação do Grupo de Cantares de Monfortinho, do Rancho Folclórico “Os Camponeses” do Freixo (Mortágua), do Grupo Folklórico U’Fresno (Espanha) e do grupo anfitrião Rancho Folclórico de Aranhas.

Já pelas 15:30, teve lugar o teatro de rua “Porco Personal Training”, havendo ainda lugar para mais um workshop de gastronomia, pelas 18:00.

A Festa das Varas do Fumeiro foi inaugurada sexta-feira, dia 18 de janeiro, pelo presidente da Câmara Municipal de Penamacor, António Luís Beites Soares, e pelo presidente da Junta de Freguesia de Aranhas, Luís Manuel Mendes Vaz.

António Luís Beites Soares deixou um agradecimento ao executivo de Aranhas e a toda a população da freguesia, sem a dedicações dos quais não seria possível realizar o evento.

O edil desejou, ainda, que o evento seja um sucesso, desejo também expresso pelo autarca da freguesia anfitriã.

O primeiro dia da Festa das Varas do Fumeiro contou com os concertos do Orfeão de Castelo Branco, no Lagar, e dos Trovadores da Beira, no adro da igreja.

Houve ainda animação de rua com o Grupo de Bombos “Os Grifos” e os Picadinhos da Concertina.

Recorde-se que as novidades deste ano foram a existência de um espaço infantil durante os dias em que decorreu a feira, as atividades de orientação Orifumeiro e sessões de showcooking e ateliês de gastronomia.

O evento contou com expositores de artesanato, de produtos regionais e tasquinhas, além de vários madeirinhos pelas ruas para “aquecerem” os visitantes.

Comentar