Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Outubro 18, 2019

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Montenegro diz que “acordou” o partido e promete reserva quanto a divergências até eleições

Montenegro diz que “acordou” o partido e promete reserva quanto a divergências até eleições
José Lagiosa

O antigo líder parlamentar do PSD Luís Montenegro defendeu hoje que o seu desafio de clarificação “acordou um gigante adormecido” que é o PSD, prometendo reserva nas intervenções públicas quanto às divergências que mantém com Rui Rio.

“Estou de consciência tranquila, disponibilizei-me para o meu país e para o meu partido numa hora difícil. A minha iniciativa teve um efeito inegável: acordou um gigante adormecido”, afirmou Montenegro, em conferência de imprensa num hotel em Espinho (Aveiro), convicto de que “nada vai ficar na mesma”.

Na manhã seguinte à aprovação da moção de confiança à direção de Rui Rio, Luís Montenegro admitiu, “sem hipocrisia”, que mantém divergências estratégias com o presidente do PSD, mas garantiu que, a partir de agora, não irá expressá-las nas suas intervenções públicas.

“Deixarei todo o espaço de intervenção política à direção do PSD, aproveitarei a minha intervenção pública para fazer um combate cerrado ao Governo, ao primeiro-ministro António Costa e ao PS por tudo aquilo que tem feito ou não tem feito no país”, assegurou.

Para o antigo líder parlamentar do PSD, o partido terá, a partir de agora, melhores condições para garantir “unidade interna”, “uma oposição firme e efetiva” e concentrar-se em conquistar “uma terceira vitória nas legislativas de forma consecutiva”, que apontou como grande objetivo eleitoral deste ano.

*Lusa / Foto: JOSÉ COELHO

Comentar