19.4 C
Castelo Branco
Quarta-feira, Abril 14, 2021
No menu items!
Início Internacional Eleições Europeias que esperar?

Eleições Europeias que esperar?

Aproxima-se, a passos largos, o momento das Eleições Europeias 2019.

A 26 de Maio, os portugueses serão chamados a votar nos inúmeros candidatos a um lugar no Parlamento Europeu.

Se vamos ter candidatos que repetem a candidatura a mais cinco anos do “paraíso” em Bruxelas, há também aqueles que se aventuram, nestas lides, pela primeira vez.

José Lagiosa

Lugar de sonho, para uns, muito trabalho, para outros, iremos ter um leque de candidatos para todos os gostos.

Os repetentes, já confirmados, serão Marisa Matias do Bloco de Esquerda, João Ferreira pela CDU, Nuno Melo do CDS, Paulo Rangel do PSD, Marinho Pinto, desta vez pelo PDR, faltando confirmar se José Inácio Faria, atual eurodeputado, eleito pelo MPT, se candidatará e por quem.

Dos novatos vamos ter na corrida os candidatos do, Nós Cidadãos, Livre, Chega e eventualmente do RIR, faltando nestes dois casos a confirmação quer do cabeça de lista, quer se as candidaturas serão próprias ou de coligação com movimentos ou partidos, todos estes sem garantias de eleição.

Caras novas vão ser, Fernando Loureiro do PURP, Francisco Guerreiro do PAN, Paulo Sande do novíssimo Aliança de Pedro Santana Lopes e Pedro Marques até este fim de semana ministro do governo de António Costa.

Deste leque de candidatos, são expectáveis algumas surpresas, umas positivas, outras porventura negativas, nomeadamente do lado do PAN e Aliança (positivas) e PDR (negativa). Dos restantes nada de surpreendente a nível dos resultados. Nuns casos confirmar-se-ão os scores do último ato eleito para o PE, noutros a incógnita é a palavra de ordem.

No entanto, os resultados poderão trazer alguns indicadores importantes para antecipar cenários de outubro próximo, aquando das eleições legislativas.

Uma certeza temos, os resultados serão aquilo que os portugueses, e esperamos sinceramente que cresçam substancialmente em número, quiserem.

Resta saber se a legitimidade é maior da que se verificou na votação de 2014.

*José Lagiosa, diretor beiranews.pt

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: