Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Fevereiro 24, 2020

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Open Sounds no Fundão com Rubel

Open Sounds no Fundão com Rubel
José Lagiosa

O Open Sounds  é uma iniciativa que visa destacar a Gardunha como um lugar onde as sonoridades internacionais e estilos musicais tem um papel inspirador e dinamizador dos fluxos culturais no interior do país.

Com uma programação diversificada e para todos os gostos, pretende-se a divulgação, o convívio entre o público e a celebração da música! 

 “O país é Lisboa e o resto é paisagem” é cada vez mais o reflexo de um passado centralizador que o Open Sounds tem tentado contrariar. 

“Aqui, abrigados pela serra da Gardunha, tentamos dinamizar uma agenda que permite que o nosso público veja bons concertos fora do eixo Porto-Lisboa”., refere a organização.

Open Sounds são as sonoridades internacionais que passam pela “nossa” Serra da Gardunha. 

Assim o Open Sounds volta a invadir as aragens da Gardunha, esta vez com Rubel, dia 6 de Abril na Moagem.

Rubel é um dos principais nomes da nova música popular brasileira.

Em 2018, foi nomeado ao Grammy Latino na categoria “Melhor Álbum de Música Alternativa de Língua Portuguesa” com o álbum “Casas”.

Nos 7 meses posteriores, ao lançamento do último disco, o artista fez 65 concertos, em 51 cidades, dentro e fora do Brasil. 

Na sua música, Rubel “junta o melhor da MPB (Música Popular Brasilleira), o melhor do folk americano e o melhor do indie“, numa “mistura mágica juntando letras intensas e uma voz deliciosa de se ouvir”.

“A combinação vale também para as influências na sua melodia de Bon Iver, Bob Dylan e Fleet Foxes.

Na escrita, nomes brasileiros como Caetano Veloso e Jorge Ben.

O cinema também influi na hora de compor e por vezes as letras tomam rumos de narrativa”.

Dia 6 de Abril o Open Sounds recebe o príncipe encantado da nova música brasileira num concerto com lotação limitada que promete arrebatar a Moagem.

*Foto: Carolina Vianna

Comentar