14.9 C
Castelo Branco
Quarta-feira, Outubro 20, 2021
No menu items!
InícioCulturaPalestra sobre numismática decorreu em Toulões

Palestra sobre numismática decorreu em Toulões

A Real Associação da Beira Interior, organizou uma palestra no dia 2 de Junho no edifício da Junta de Freguesia de Toulões, evento que teve o apoio da Junta de Freguesia de Toulões.

O tema abordado foi “Numismática”, o orador convidado foi o advogado e investigador Carlos Vaz-Pardal.

            Na mesa esteve o orador, o presidente da Junta de Freguesia de Toulões, António Marcelo e o vice-Presidente da Real Associação da Beira Interior, Luís Duque-Vieira.

            Desde os 6 anos que Carlos Vaz-Pardal se interessa pela numismática, ou seja, há 50 anos que se dedica a colecionar moedas, tenho uma colecção muito vasta.

Dois instrumentos são de grande importância para um colecionador de moedas são as lupas e bons catálogos.

            A Numismática é uma ciência auxiliar da história e da arqueologia.

            As primeiras moedas apareceram no Império da China, há cerca de 2000 anos atrás, moedas essas desconhecidas em parte na Antiguidade, devido ao regime imperial chinês ser fechado, até pelo facto de ter construído a famosa Muralha da China, uma das grandes referências arquitetónicas da Antiguidade.

Essas moedas eram de diferentes tamanhos.

            Em 700 antes de Cristo, apareceram as primeiras moedas no Ocidente referente à Antiguidade – Mundo Antigo, essas moedas surgiram na Grécia.

As moedas chegaram à Península Ibérica com os fenícios e depois com os cartaginenses.

Mais tarde outras civilizações que passaram pelo actual Portugal e pela Península Ibérica deixaram-nos moedas cunhadas por si, o caso do Império de Roma, o Reino Visigodo, e o Império Árabe – Muçulmano.

Após a fundação de Portugal, as dinastias Borgonhesa, Avis, Habsburgo e Bragança também cunharam moedas, na I, II e III repúblicas também foram cunhadas moedas, mais tarde em Março de 2002 até aos dias de hoje entrou o Euro como moeda.

O orador teve o cuidado de mostrar várias moedas de épocas diferentes.

Moedas

Os metais mais importantes na cunhagem de moeda era o ouro, a prata e o cobre.

Outros metais e elementos serviram para cunhar moedas, devido a situações de declínio e guerras, tais como o chumbo, o ferro, o estanho, papel, porcelana, cabedal…

Existem algumas moedas raras que podem valer cerca de 150.000€, isto referente ao mundo da Numismática.

Moedas do Reinado de Dom António I e as actuais moedas de 1€ do ano de 2008 têm um valor de grande importância por parte dos colecionadores de moedas.

A moeda, metal muito importante na História Mundial, tem um valor de grande importância para os historiadores e colecionadores de moedas.

Mas, algumas moedas serão muito importantes para os historiadores e arqueológos que não serão muito importantes para os colecionadores de moedas e vice-versa.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: