Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Dezembro 16, 2019

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Aliança trouxe Roteiro do Ambiente até Oleiros e Sertã na última quinta feira

Aliança trouxe Roteiro do Ambiente até Oleiros e Sertã na última quinta feira
José Lagiosa

Aldeia de Álvaro e Sertã foram momentos de impacto

Pedro Santana Lopes, líder do Aliança, acompanhado pelo vice-presidente Bruno Costa e a cabeça de lista às legislativas de Outubro, pelo distrito de Castelo Branco, Ana Camilo, visitaram ontem, dia 4 de Julho, os concelhos de Oleiros e da Sertã.

Uma passagem pela aldeia de Álvaro, fustigada pelo gigantesco incêndio de 2017, foi um dos momentos altos, carregado de um simbolismo daquilo que ninguém gostaria de ter de recordar, mas que não pode cair no esquecimento, para que não se volte a repetir, onde quer que seja.

A recuperação do casario, o travão ao despovoamento, a floresta e os incêndios, foram os temas de conversa, dos habitantes da aldeia de Álvaro com Santana Lopes, Ana Camilo, Bruno Costa e demais comitiva.

Foi uma visita marcante marcante na Aldeia de Álvaro

“Uma receção calorosa de gente que quer ser ouvida!”, refere Ana Camilo.

“A nossa grande preocupação, são as pessoas que viram os seus bens consumidos pelas chamas. Como é possível que passados 2 anos o Estado ainda não tenha dado início ao processo de reflorestação?” questiona a candidata.

Já na sede do concelho de Oleiros, o líder do Aliança deslocou-se ao edifício da Câmara Municipal, onde apresentou cumprimentos ao presidente da autarquia, Fernando Jorge, seguido de um almoço no Hotel de Santa Margarida,

De tarde, a Sertã foi o destino com uma visita inicial ao SerQ – Centro de Inovação e Competências da Floresta.

À chegada esperava o líder do Aliança, uma equipa de reportagem da SIC televisão, a quem Santana Lopes prestou declarações, sugerindo nomeadamente a alteração do dia das eleições, para um dia de semana, como forma de combater a abstenção.

No SerQ, a investigadora sénior Sofia Knapic falou das questões florestais de forma desassombrada

Já no interior a visita foi conduzida por Sofia Knapic, investigadora sénior que de forma desassombrada falou das questões florestais e dos desafios que se colocam na recuperação da floresta ardida e na preservação da ainda restante.

“Uma das nossas grandes preocupações é a reflorestação de forma ordenada, os nossos recursos naturais são a nossa maior riqueza, mas uma floresta forte precisa também de uma indústria forte”, salienta Ana Camilo.

Após a visita ao SerQ, tempo para uma rápida deslocação ao renovado edifício da Câmara local, para apresentação de cumprimentos ao seu presidente, José Farinha Nunes.

A tarde terminou com Pedro Santana Lopes a conceder uma entrevista ao semanário Povo da Beira, que a levará à estampa na edição da próxima semana, que foi conduzida pelo jornalista Lourenço Martins de Carvalho.

Comentar