Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Setembro 19, 2019

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Associação das Corgas entrega donativo aos Bombeiros Voluntários de Proença-a-Nova

Associação das Corgas entrega donativo aos Bombeiros Voluntários de Proença-a-Nova
José Lagiosa

A Associação Desportiva, Cultural e Recreativa de Corgas entregou, à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Proença-a-Nova um donativo no valor de 720 euros, resultantes da venda do livro “Caminhos da fé e do pão”, uma obra em homenagem ao Padre Joaquim Martins Castanheira editada em dezembro de 2018 com o apoio do Município.

A entrega do donativo aconteceu no dia 16 de julho, data em que se comemora a padroeira da aldeia e em que a associação promoveu mais um Encontro Temático com o título Saúde, Prevenção e Segurança.

Nesta iniciativa foi enfatizado o espírito de comunidade e partilha que a comunidade corguense se orgulha em manter e esta iniciativa “adequa-se no dia de Nossa Senhora do Carmo porque é a quem fazemos as nossas preces em momento de aflição e recebemos a sua proteção”, explica Libânio Martins, acrescentando que “temos de ter em mente que há sempre alguém ao lado que precisa de nós.

“Este sentido de solidariedade é essencial para a sobrevivência das nossas aldeias e comunidades”.

O presidente da autarquia, João Lobo, naquela que foi a sua intervenção, referiu a importância da segurança e do apoio que o Município presta já através da Unidade Móvel de Saúde e da Bibliomóvel e acrescentou que “a tendência é para os serviços se deslocarem às pessoas e não o contrário e, portanto, o espírito de comunidade e solidariedade entre vizinhos é cada vez mais importante”.

Numa altura em que estamos na fase mais crítica dos incêndios florestais, João Lobo reforçou a importância da limpeza dos aglomerados populacionais e o trabalho promovido pelo Município na divulgação do projeto Aldeia Segura, Pessoas Seguras, concluindo que “cabe a cada um de nós, enquanto cidadãos, evitar os comportamentos de risco”.

Tiago Marques, comandante dos Bombeiros Voluntários de Proença-a-Nova, aproveitou a ocasião também para sensibilizar os corguenses da necessidade de existir “um local de abrigo para, em caso de necessidade, retirar as pessoas ou prestar auxílio de forma mais eficaz e rápida e de uma pessoa oficial de segurança que será o interlocutor entre as forças de segurança e a comunidade”.

Libânio Martins aceitou o desafio deixado pelas entidades e ficou a promessa de o projeto integrar o próximo plano de atividades da associação.

Neste encontro foram ainda promovidas ações de sensibilização sobre hábitos de saúde e hábitos alimentares dinamizados por duas enfermeiras com raízes familiares à aldeia que falaram sobre redução do consumo de sal e açúcar e o aumento da ingestão de água e exercício físico essencial para o bem-estar de todos.

Comentar