Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Agosto 20, 2019

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Universidade Sénior de Idanha encerra ano letivo com 300 alunos

Universidade Sénior de Idanha encerra ano letivo com 300 alunos
José Lagiosa

A Universidade Sénior de Idanha-a-Nova (USIN) encerrou o ano letivo com cerca de 300 alunos, um número que cresce a cada ano e demonstra o sucesso deste projeto educativo, social e cultural.

A sessão de encerramento decorreu em Toulões no dia 29 de junho e juntou os alunos da sede de concelho e dos polos de Medelim, Penha Garcia, São Miguel de Acha e Toulões.

A caminho do quinto ano de atividade, a USIN é um projeto coordenado pela Filarmónica Idanhense em parceria com a Câmara Municipal de Idanha-a-Nova e o Centro Municipal de Cultura e Desenvolvimento de Idanha-a-Nova.

No encerramento das aulas, Armindo Jacinto, presidente da Câmara de Idanha-a-Nova, lembrou que neste concelho a aposta na educação “vai dos 0 aos 114 anos”, a idade da cidadã idanhense mais idosa de que há memória.

A USIN está especialmente vocacionada para a música, não fosse Idanha Cidade Criativa da UNESCO, na área da Música, mas disponibiliza também disciplinas nas áreas da informática, ginástica, alimentação saudável, liturgia, línguas estrangeiras, entre outras.

Armindo Jacinto sustenta que a Universidade Sénior “tem um papel importantíssimo na valorização da música e da cultura, mas também na promoção de uma vida mais ativa e da partilha de saberes entre todas as gerações”.

A presidente da Filarmónica Idanhense, Carla Costa, realça que “o apoio da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova tem sido imprescindível para a atividade da Universidade Sénior, assim como o envolvimento das associações locais, dos professores, colaboradores e alunos”.

O desafio que se coloca é criar condições para a USIN chegar ainda mais perto de todas as pessoas do concelho de Idanha-a-Nova.

Comentar