20.9 C
Castelo Branco
Segunda-feira, Abril 19, 2021
No menu items!
Início Nacional O PURP também se preocupa com os mais novos

O PURP também se preocupa com os mais novos

De acordo com a notícia publicada no Jornal de Notícias, “mais de 77% das crianças até aos três anos não encontram lugar numa creche”, sendo os distritos mais afectados os de Lisboa, Porto e Setúbal.

Segundo a mesma notícia, baseada nos dados que constam na Carta Social de 2017, apenas três distritos conseguem dar uma resposta a este problema superior a 70%, devido à sua baixa natalidade.

Mas não existe uma resposta social para a primeira infância nos distritos de Lisboa, Porto e Setúbal.

Entretanto a proposta do PS em aumentar em sete mil o número de vagas em creches é manifestamente insuficiente para resolver o problema, pois, segundo os dados oficiais de 2017, cerca de 150 mil crianças com menos de três anos não estavam em creches.

Para contribuir para a solução, o PURP propõe “que os imóveis desactivados ou devolutos, que são pertença das Misericórdias ou Câmaras Municipais, sejam transformados e readaptados para a ’criação’ de instituições de apoio social como creches.

“Essa medida faz parte de uma proposta de âmbito mais alargado, que prevê a requalificação de património Autárquico, algum dele degradado, para que seja recuperado e colocado ao serviço dos munícipes, para fins de interesse comunitário (IPSS), num investimento que beneficiará toda a população a curto e longo prazo”, acrescenta o PURP.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: