Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Setembro 15, 2019

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Vila Velha de Ródão em segundo lugar na recolha seletiva para reciclagem

Vila Velha de Ródão em segundo lugar na recolha seletiva para reciclagem
José Lagiosa

Vila Velha de Ródão ocupa o segundo lugar na lista dos municípios que mais reciclam no universo dos concelhos integram a Valnor – Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos, S.A., empresa responsável pela recolha, triagem valorização e tratamento dos resíduos sólidos urbanos em 25 municípios da região centro.

De acordo com os dados recolhidos pela empresa, durante o primeiro semestre de 2019, no que respeita à recolha de resíduos sólidos urbanos para reciclagem per capita, Vila Velha de Ródão ocupa o segundo lugar num ranking de 25 municípios, tendo os seus habitantes reciclado em média 22,42 kg de resíduos.

Os dados apresentados mostram assim que, nos primeiros seis meses do ano, cada rodense reciclou em média 7,02 kg de vidro, 9,69 kg de papel e cartão e 5,71 kg de embalagens.

Edifício da Câmara Municipal

Nesta lista de 25 municípios, o concelho Vila Velha de Ródão apenas é ultrapassado pelo de Vila de Rei, onde se registou uma média de 31,55 kg de resíduos reciclados por habitante no mesmo período.

Com a divulgação destes dados, a Valnor pretende avaliar o desempenho dos municípios no que respeita à reciclagem dos resíduos sólidos urbanos de forma a conseguir alcançar as metas impostas pelo Plano Estratégico para os Resíduos Urbanos, no ano de 2020, de 54 kg por habitante/ano.

Para o presidente do Município de Vila Velha de Ródão, Luís Pereira, estes resultados são uma consequência do esforço feito pela autarquia nos últimos anos, no sentido de sensibilizar os munícipes para a importância da reciclagem e da preservação do ambiente.

Para além de uma aposta na instalação de ecopontos em todo o concelho, têm sido levadas a cabo no último ano uma série de ações de sensibilização dos rodenses para os riscos das alterações climáticas, nas quais se ressalva o importante contributo da recolha seletiva para sua mitigação, e em todos os eventos organizados pelo município tem havido uma preocupação com a sustentabilidade.  

O que os dados recolhidos pela Valnor vêm agora mostrar é que os rodenses interiorizaram a importância da reciclagem e estão empenhados em ter um papel ativo na defesa do ambiente.

Comentar