11.1 C
Castelo Branco
Quarta-feira, Abril 21, 2021
No menu items!
Início Nacional Maior Madeiro do País volta a acender-se em Penamacor

Maior Madeiro do País volta a acender-se em Penamacor

A edição de 2019 do Penamacor Vila Madeiro já tem programa completo, com destaque para os dias 7, 8, 23 e 24 de dezembro, com o corte, transporte e acender da fogueira, e para o dia 14, com a atuação da artista Rebeca

O programa do Penamacor Vila Madeiro está completo.

Os momentos altos do certame são, como manda a tradição, a Festa na Senhora do Incenso e o corte e transporte do Madeiro, nos dias 7 e 8, ao que acresce a noite de 23 para 24, na qual se acende a fogueira, numa programação vasta que decorre durante todo o mês de dezembro.

O Penamacor Vila Madeiro tem arranque marcado para as 14:00 do dia 7, com a abertura do Mercado de Natal, sendo que a inauguração está marcada para as 14:30, na Casa dos Cenários – Posto de Informação da CMP.

Durante a cerimónia de abertura, será, ainda, inaugurada a exposição “Descortiçar – A Amadia, Arte de retirar a casca sem ferir o sobreiro”.

Nesse dia, decorre uma Visita Guiada e Encenada ao Convento de Santo António (Inscrições através do número 966827038 ou do email turismo@cm-penamacor.pt) e um showcooking, a cargo dos alunos da Escola E/B 2/3 Ribeiro Sanches, na Tenda Vila Madeiro, situada no Ex-Quartel Militar de Penamacor.

Madeiro

Pelas 21:30, decorre o primeiro momento alto do evento, com a concentração do Madeiro, no Recinto de Nossa Senhora do Incenso, e que contará com a animação musical da Tuna Feminina Albicastrense, do Grupo de Cantares do Rancho Folclórico de Penamacor e de Cláudia Martins & Minhotos Marotos.

No dia seguinte, 8 de dezembro, sai à rua, pelas 13:00, o Desfile do Madeiro, num momento que reúne nas ruas os curiosos, que se juntam para ver o desfile de tratores, que transportam o Madeiro para o Largo da Igreja, onde estará depositado até ao dia 23 de dezembro.

Já pelas 16:30, a Tenda Vila Madeiro recebe o Workshop de Cultura e Gastronomia “Doces Sem Culpa Para Um Natal Consciente”, a cargo do Nutrichef Duarte Alves, seguido da atuação dos alunos da Turma de Dança Infantil e Juvenil da Escola Geração Musical, na Praça Vila Madeiro e no Largo D. Bárbara Tavares da Silva.

O primeiro fim de semana de festa termina com o concerto de natal, no Convento de Santo António.

Já o fim de semana de 14 e 15 de dezembro arranca com o Passeio Pedestre “Vamos Plantar um Sobreiro” (Inscrições através do email geodiversidade@cm-penamacor.pt) e com o 6.º Passeio Equestre Vila Madeiro – 2º Orihorse (inscrições até 10 de dezembro, através dos números 969778005; 962533657; 965614950), iniciativas que têm início no sábado, pelas 9:00.

Fogueira da Vila Madeiro em Penamacor é já uma referência nacional

Pelas 17:00, no Convento de Santo António, decorre o 3.º Encontro de Cantares ao Menino “Modas Antigas”, com a participação do Grupo de recolhas tradicionais da Beira Baixa, do Grupo de Cavaquinhos da Salatina, do Grupo Folclórico e Etnográfico da Cova do Ouro e Serra da Rocha e das Adufeiras da Casa do Povo do Paul.

Pelas 22:00, a animação desloca-se para a Casa do Povo, com as atuações de Rebeca e da Banda Onda Sonora.

Para domingo, destaque para as atuações do Grupo de Cavaquinhos e dos Alunos de Acordeão Portugueses e Espanhóis da Escola Geração Musical e para a sessão de autógrafos com o escritor Pedro Chagas Freitas, na Tenda Vila Madeiro.

Madeiro acende de 23 para 24 de dezembro

Na reta final do Penamacor Vila Madeiro, quando se caminha a passos largos para acender a fogueira, salienta-se, no dia 21, a 3ª Corrida Solidária Vila Madeiro (inscrições através do email adep.penamacor@gmail.com), o Concerto de Natal dos Alunos do Polo de Penamacor da Academia de Música e Dança do Fundão e a Visita Guiada e Encenada “Figuras, Factos e Lugares”.

Já no dia 22, o Natal Sénior de Penamacor (Inscrições até 9 de dezembro nos Centros de Dia e Juntas de Freguesia), que contará com a animação musical da Banda de Aldeia de João Pires, do Duo “Os Manos” e do Rancho Folclórico de Aranhas, e a atuação dos Banda & Tarola, na Praça Vila Madeiro, são os destaques.

No dia 23, especial relevo para o Workshop de Cultura e Gastronomia “Sabores De Natal – Na Memória de Penamacor”, com o Chef Valdir Lubave, e para o concerto dos Gospel Collective.

Finalmente, pelas 24:00, tem início a queima do Maior Madeiro de Portugal.

Para os últimos dois dias do evento, ênfase para os cânticos ao menino, no dia 24.

A edição de 2019 do Penamacor Vila Madeiro conta, ainda, com outras atividades, como a Feira do Livro, que decorre todo o mês de dezembro, a Festa de Natal do Primeiro Ciclo e Jardins de Infância, no dia 17, o Orimadeiro, no dia 11, um Presépio ao Vivo, Espaço Infantil, e o habitual Mercado de Natal, Casas e Tasquinhas.

Durante todos os dias do evento, a animação de rua está, ainda, garantida com os grupos Sons da Suevia, Grupo Sópráki; Infinitum: A Corte do Rei Herodes, KhaganiçOrchestra, Picadinhos da Concertina, David Cruz: O Pai Natal Orquestra, Concertinas os Foligaitos, Grupo Celtitando, Bombos e Adufeiras da Casa do Povo do Paul, Alunos da AMDF – Polo de Penamacor, Aras Navi – Cantam o Natal, Os Carriços, Pifaradas e Gaitadas, Grupo de Cantares de Pedrógão de São Pedro, Bordões da Beira, Xmas Bandobell, Os Fanfarrões, Os Trovadores da Beira, Os Chibatas, Zabumbas de Alpedrinha, Xmas Bandobell, Mascotes do Natal, Beira Brass Band, Tok´Avakalhar, Pedro Domingues and Friends e Grupo de Concertinas Natalícias do Ribatejo.

O programa completo pode ser consultado em: http://www.cm-penamacor.pt/vilamadeiro/index.php/programa

O Madeiro

Recorde-se que o Madeiro de Penamacor ganhou fama de ser o maior do país.

Todos os anos, com o aproximar do Natal, por todas as freguesias do concelho, os jovens em idade de cumprir o serviço militar unem-se para cortar e transportar os troncos que alimentarão a fogueira para aquecer o Menino Jesus.

O grande monte de madeira, depositado no adro da igreja, é ateado ao cair da noite do dia 24, à exceção de Penamacor, que arde de 23 para 24, e mantém-se aceso durante vários dias.

Depois da ceia de Natal, a população reúne-se em redor da fogueira, num gesto ritual de fraterno encontro.

Em Penamacor, a chegada do Madeiro tem data marcada e o ato assume foros de festividade.

De facto, no dia 8 de dezembro, a população acorre generosamente à rua para saudar o cortejo de tratores e reboques, em número que procura sempre bater o antecedente, onde os jovens do ano, dantes só os rapazes e agora também as raparigas, empoleirados nos troncos, atiram à rebatina os frutos do ramo de laranjeira que a praxe manda trazer, cantando acompanhados à concertina.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: