Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Dezembro 10, 2019

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

AECBP tem novos projetos de formação para empresas financiados pelo Fundo Social Europeu

AECBP tem novos projetos de formação para empresas financiados pelo Fundo Social Europeu
José Lagiosa

A Associação Empresarial da Covilhã, Belmonte e Penamacor (AECBP) vai implementar dois novos projetos de formação-ação financiados pelo Fundo Social Europeu, resultantes da aprovação do Quadro Comunitário de Apoio “Portugal 2020”.

O objetivo dos mesmos será o de capacitar as empresas participantes para os desafios tecnológicos e inovadores do futuro, ao mesmo tempo que asseguram o cumprimento da formação anual obrigatória das empresas.

Dando cumprimento a uma das suas principais missões que é defender os direitos dos setores empresariais, promover o seu desenvolvimento e progresso e dotá-los de meios que possibilitem responder aos novos desafios que se colocam, a AECBP, através destes novos projetos, pretende colocar à disposição de um conjunto de empresas participantes, consultores especializados nas áreas da “Gestão da Inovação” e da “Economia Digital”, de forma a ajudá-las a melhorarem o seu desempenho em áreas essenciais para o seu desenvolvimento.

Para além do apoio em consultoria individualizada, os projetos englobarão ainda a realização de Ações de Formação em áreas que se considerem “chave” para o cumprimento dos objetivos dos Planos Ação que forem definidos para cada uma das empresas participantes e para o aumento do desempenho global dos seus colaboradores.

AECBP com incentivos para ações de formação

Na temática da “Gestão da Inovação” pretende-se intensificar a formação teórica e prática dos empresários e dos seus colaboradores para facilitar a introdução de inovação radical e/ou incremental ao nível organizacional, do marketing, dos processos e dos procedimentos, do produto e do serviço, desmistificando e simplificando o conceito de inovação, através da criação de novas estratégias e “caminhos” que permitam a adaptação das empresas aos novos desafios e à superação dos problemas e das dificuldades com que se deparam no seu dia-a-dia.

Para o efeito, a formação incluirá ações concretas como a introdução de novas ferramentas para análise, controlo e otimização dos custos e das receitas da empresa; a adoção de ferramentas que permitam realizar análises objetivas da concorrência e do setor; ou o desenvolvimento e implementação de sistemas de controlo e RGPD.

Já a temática da “Economia Digital” pretende apoiar as organizações participantes na sua transição para a economia virtual como complemento, fonte de criação de valor, de diversificação e de suporte aos processos e procedimentos tradicionais que são normalmente utilizados na economia física das PME.

Pretende-se, desta forma, começar a facilitar o alargamento das áreas de atuação das PME, a sua penetração em novos segmentos e nichos de mercado, implementar novas formas e conceitos de comercialização de produtos e de serviços, bem como de divulgação e de comunicação das empresas participantes.

O apoio à criação ou ao desenvolvimento/atualização de páginas de internet; o apoio à criação ou ao desenvolvimento de catálogos digitais e a elaboração de estratégias de Marketing Digital são algumas das ações previstas dentro desta formação.

Em termos organizativos, toda a calendarização dos trabalhos será ajustada às necessidades das empresas/empresários. A consultoria será realizada nas instalações da empresa participante, em dias e horário a combinar com o empresário.

Além disso, as turmas da formação em sala terão de ter no mínimo seis formandos, pelo que poderá existir a necessidade de junção de colaboradores de outras empresas participantes.

Toda a formação frequentada ao abrigo do presente projeto poderá contar para as 40 horas de formação obrigatórias no Código do Trabalho.

A AECBP acredita que esta é uma oportunidade única para as empresas aproveitarem o apoio técnico disponibilizado nas duas áreas para darem o salto qualitativo na superação dos novos desafios de mercado.

As empresas associadas da AECBP terão condições vantajosas para frequentar os projetos.

Para mais informações e inscrições, as empresas interessadas devem entrar em contacto com a Associação através do telefone 275310220 ou do email geral@aecbp.pt

Comentar