17.7 C
Castelo Branco
Sexta-feira, Setembro 17, 2021
No menu items!
InícioRegionalFloresta Autóctone celebrada em Idanha-a-Nova

Floresta Autóctone celebrada em Idanha-a-Nova

Entre os dias 23 de novembro e 5 de dezembro celebrou-se a Floresta Autóctone ou Nativa na vila de Idanha-a-Nova.

Durante esses dias, a Câmara Municipal de Idanha-a-Nova dinamizou seis ações em colaboração com o Geopark Naturtejo – Geoparque Mundial da UNESCO.

No total, celebraram a floresta 150 alunos e professores, do Agrupamento de Escolas José Silvestre Ribeiro e da Escola Profissional da Raia (EPRIN), bem como 70 pessoas do público em geral e do Agrupamento de Escuteiros 326 de Idanha-a-Nova.

Dinamização em sala de aula

As ações de dia 23 de tarde e de dia 28 de manhã integraram as atividades de natureza do Fora do Lugar 2019 – Festival Internacional de Músicas Antigas.

As atividades de plantação e sementeira de espécies autóctones (dias 23 novembro, 3 e 5 de dezembro) decorreram na Tapada do Sobral, nas proximidades do Centro Cultural Raiano, e foram realizadas pelo público em geral, escuteiros e alunos de todas as turmas da EPRIN.

As espécies usadas foram sobreiro, azinheira e carvalho-negral, tendo sido semeadas várias centenas de bolotas e transplantadas cerca de 250 jovens árvores.

No dia 28 de novembro decorreu o Workshop “As espécies autóctones vão à escola”, durante o qual os alunos, de duas turmas de 5º Ano, observaram 7 espécies nativas da região e compreenderam a sua importância.

Puderam ainda aprender a distinguir as bolotas e folhas das três espécies que vão semear em pacotes de leite reutilizados.

Os alunos vão criar um mini viveiro na escola para acompanharem o desenvolvimento das plantas bebés ao longo do ano e no próximo outono as transplantarem para o seu local definitivo.

Durante este Workshop, duas alunas de 5ºAno entregaram simbolicamente em nome de todos os alunos, ao diretor do Agrupamento de Escolas José Silvestre Ribeiro, a Bandeira Verde do Programa Eco-Escolas, relativa ao Ano 2018/2019.

Proteger a Floresta Autóctone sensibilizando os pequenos cidadãos

Este galardão é atribuído pela Associação Bandeira Azul Europa (ABAE) e recebido pelo Agrupamento mais um ano letivo, devido à implementação de atividades de sensibilização e práticas ambientais em prol da sustentabilidade da Vida na Terra, dinamizadas em parceria com diversas entidades.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: