Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
       

BeiraNews | Janeiro 20, 2020

Ir para o Topo

Topo

Sem Comentários

Mercado de Natal, 14 de dezembro, sábado, das 8 às 12 horas

Mercado de Natal, 14 de dezembro, sábado, das 8 às 12 horas
José Lagiosa

Património Cultural de Alcains

A Alma Azul dedica a sua presença no Mercado de Natal, em Alcains, no próximo sábado, dia 14, entre as 8 e as 12 horas, ao Cónego Franco Infante e ao seu livro “Património Cultural de Alcains”.

Intelectual inquieto, o Cónego Franco Infante é autor de uma obra literária extensa que inclui a poesia, o conto e outras ficções relacionadas com o universo cristão.

Compilou ainda inúmeras e valiosas tradições e investigações patrimoniais no livro “Património Cultural de Alcains”, editado em 1992 (Edição Matriz de Alcains).

António Gonçalves Franco Infante

António Gonçalves Franco Infante nasceu em Alcains, no dia 10 de abril de 1906.

Formou-se Sacerdote nos Seminários de Mação e do Gavião.

Foi Pároco em Portalegre, durante 18 anos.

Fundou a Conferência Vicentina de São João de Deus e dedicou muito do seu trabalho às Juventudes Operária e Escolar.

Autor dos livros: Problemas de Espiritualidade (1960); Retratos Bíblicos (1961); Sombra Azul (Poesia, 1966); Amoras Silvestres (Conto, 1974) e Contos Brancos (1983), entre muitos outros.

A Alma Azul selecionou alguns dos 508 adágios, provérbios e outras expressões populares que o Cónego Franco Infante coligiu no livro “Património Cultural de Alcains” para oferecer a todos os que visitarem o Mercado de Natal em Alcains (1.º Piso), no próximo sábado, entre as 8 e as 12 horas, numa simples mas empenhada homenagem a um dos grandes representantes da cultura alcainense.

Comentar