26.1 C
Castelo Branco
Quinta-feira, Setembro 16, 2021
No menu items!
InícioRegionalMutualista lança “Farmácia à sua porta” para apoiar grupos de risco

Mutualista lança “Farmácia à sua porta” para apoiar grupos de risco

Entregas gratuitas ao domicílio na cidade da Covilhã, mediante encomenda por telefone ou online

A Farmácia da Mutualista Covilhanense acaba de lançar a iniciativa “Farmácia à sua porta”, para a cidade da Covilhã, um serviço gratuito de entregas ao domicílio de medicamentos e de aconselhamento farmacêutico, cujo objetivo é apoiar os grupos de risco para a Covid-19, idosos, doentes crónicos e imunodeprimidos  e ainda incentivar o isolamento social neste período de estado de emergência.

«Neste momento excecional que vivemos, o melhor que podemos oferecer às pessoas é a possibilidade de ficarem em casa, sobretudo para os grupos de risco e para os seniores que vivem isoladamente, dando assim o nosso melhor contributo no combate à propagação do novo coronavírus», explica Nelson Silva, presidente da Direção da Mutualista Covilhanense.

A iniciativa abrange a população em geral no que respeita a medicamentos e produtos não sujeitos a receita médica e os associados para todo o tipo de medicação.

Para beneficiar da iniciativa, basta contactar a Farmácia da Mutualista, através do número de telefone 275 327 353 ou através do emailfarmacia@mutualistacovilhanense.pt, e aguardar o agendamento da entrega em casa.

O horário das encomendas coincide com o atual horário de funcionamento da farmácia: entre as 9h30-13h30 e as 14h30-19h de segunda a sexta-feira e das 9h às 13h aos sábados.

Estes contactos estão também disponíveis para a vertente do aconselhamento farmacêutico.

Paralelamente, para quem se deslocar à Farmácia, a Mutualista Covilhanense dispõe de outro serviço, este desde meados do mês, que possibilita a encomenda e o agendamento do levantamento dos medicamentos na própria farmácia, com o intuito de atenuar as filas e evitar as esperas no atendimento e as deslocações desnecessárias.

Os contactos para este serviço são os mesmos.

Desde o início da pandemia que a Farmácia da Mutualista tem incentivado os seus associados a ficarem em casa, sensibilizado para o não açabarcamento de medicamentos e promovido a importância de serem respeitadas as medidas decretadas pelo Governo, bem como as recomendações da Direção-Geral da Saúde.

A atual situação excecional levou ainda a Farmácia da Mutualista a adotar outras medidas.

Uma delas foi a colocação de um acrílico com postigo na zona frontal de um balcão de atendimento que foi montado à entrada da Farmácia, «para proporcionar melhores condições, protegendo associados e clientes do Covid-19, assim como os farmacêuticos», sublinha Nelson Silva.

No caso dos associados residentes nas aldeias servidas pela Unidade Móvel de Saúde, estão a ser realizadas também entregas aos domicílios, existindo ainda uma linha telefónica disponível para aconselhamento e acompanhamento.

Ainda no caso da Unidade Móvel de Saúde, e em articulação com as Juntas de Freguesia abrangidas pelo projeto, mantém-se também o serviço médico (Clínica Geral), mas com acompanhamento à distância.

Está suspensa a realização de rastreios cardiovasculares e a iniciativa itinerante “Oficina de Atividades”, que abrange os ateliês semanais de Exercício Físico e Informática/Multimedia.

A Mutualista Covilhanense continua a operar com o seu Centro Clínico, mas apenas para consultas de clínica geral, para atendimento aos seus associados, e com o gabinete de enfermagem, em ambos os casos mediante marcação e somente em situações prementes.

As consultas de Cardiologia, Medicina Dentária, Nutrição, Psicologia e Acupuntura estão suspensas e o Posto de Colheitas do Grupo Germano de Sousa está encerrado.

No que respeita às valências de apoio à 3ª idade,tem atualmente 136 utentes, dos quais 40 na Estrutura Residencial para Pessoais Idosas (ERPI) e 96 em Serviço de Apoio Domiciliário (SAD), neste caso mais 36 do que antes da pandemia, dado que encerrou o Centro de Dia, onde tinha este número de seniores, tendo passado a prestar-lhes serviços em casa (alimentação e medicação).

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: