23.9 C
Castelo Branco
Segunda-feira, Setembro 27, 2021
No menu items!
InícioNacionalArmindo Jacinto transmite mensagem de esperança no 25 de Abril

Armindo Jacinto transmite mensagem de esperança no 25 de Abril

Idanha-a-Nova

“Os valores do 25 de Abril não podem ser dados como adquiridos, por isso, hoje os evocamos para que estejam presentes no dia-a-dia e os possamos transmitiraos nossos filhos e netos, que não viveram os tempos antes de Portugal conquistar a Liberdade”.

A mensagem foi deixada por Armindo Jacinto, Presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, na cerimónia evocativa do 46º aniversário do 25 de Abril, este ano condicionada pelas medidas de distanciamento social impostas pela pandemia Covid-19.

As comemorações da “Revolução dos Cravos” foram, assim, transmitidas via Internet, na manhã de 25 de abril, para permitir a todos os idanhenses e amigos de Idanha-a-Nova assistir ao tradicional hastear da bandeirano edifício dos Paços do Concelho, com a presença do presidente da Câmara de Idanha-a-Nova, Armindo Jacinto, do presidente da Assembleia Municipal, João Dionísio, e do presidente da União de Freguesias de Idanha-a-Nova e Alcafozes, Vítor Mascarenhas.

O momento teve acompanhamento musical por João Abrantes, maestro da Filarmónica Idanhense, que interpretou o Hino Nacional e, posteriormente, a emblemática ‘Grândola, Vila Morena’ de Zeca Afonso.

Em nome do Executivo Municipal, Armindo Jacinto destacou a importância de não se deixar de celebrar “a conquista da Liberdade, mesmo que de forma mais singela que o habitual, perante este período difícil para Portugal e para todo o Mundo”.

O presidente da Câmara de Idanha-a-Nova deixou uma mensagem de esperança: “Cada um de nós tem um papel importante para ultrapassarmos, em conjunto, esta pandemia. Tenho convicção que a ciência vai encontrar uma solução, designadamente uma vacina, que venha a permitir o regresso à normalidade”.

“Por agora”, acrescentou Armindo Jacinto, “temos de nos adaptar às circunstâncias e proteger-nos da Covid-19. A cerimónia simples que assinalou o 25 de Abril em Idanha-a-Nova visou evocar de forma simbólica e segura esse momento tão importante da nossa democracia e da nossa história, que trouxe aos portugueses a Liberdade”.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: