15.6 C
Castelo Branco
Quinta-feira, Outubro 22, 2020
No menu items!
Início Nacional Covid 19: Hospitais de Loures e Amadora "com uma pressão muito grande"

Covid 19: Hospitais de Loures e Amadora “com uma pressão muito grande”

O presidente da Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, Luís Pisco, admitiu hoje em declarações à agência Lusa que os hospitais Beatriz Ângelo (Loures) e Fernando Fonseca (Amadora) “estão com uma pressão muito grande”.

O Beatriz Ângelo “está numa zona onde os números de covid são muito grandes”, e tem estado a receber “mais de 140 doentes por dia” na sua área dedicada a casos de contágio pelo novo coronavírus, indicou.

No dia em que se registou o segundo maior número de novos casos desde abril em todo o país (1.278), Luís Pisco antecipou que possam haver “dias mais complicados” na próxima semana, em que se prevê que a ARSLVT tenha a funcionar uma “coordenação centralizada dos casos para internamento e cuidados intensivos”, distribuindo-os pelas unidades com camas disponíveis para que nenhuma fique assoberbada.

No caso do Beatriz Ângelo e dos outros hospitais da área da ARSLVT, “sempre que é necessário têm sido encaminhados doentes” para outras unidades de retaguarda.

“As urgências não fecham, embora possam estar com mais dificuldades em cuidados intensivos e internamento, porque há muito mais do que covid”, apontou.

Luís Pisco salientou que “não há tantas camas para covid como já chegou a haver em abril porque os hospitais estão a tentar manter a atividade programada”, ao contrário do que aconteceu então, e “as camas não esticam”.

“Temos 6.330 camas médicas e cirúrgicas e ainda podemos abrir mais”, referiu.

De acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde hoje divulgado, em Lisboa e Vale do Tejo registam-se mais 482 casos de infeção do que na quarta-feira, num total de 41.707.

A DGS indica ainda que das 10 mortes registadas no país nas últimas 24 horas, três ocorreram na região de Lisboa e Vale do Tejo.

*LUSA

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

História do lavrador que se tornou rei dos Visigodos serve de mote para dia de festa na Aldeia Histórica de Idanha-a-Velha

No próximo dia 31 de outubro, é a vez da Aldeia Histórica de Idanha-a-Velha receber o Ciclo "12 em Rede | Aldeias...

Covid-19: AHRESP pede isenção de taxas de esplanadas até ao final de 2021

A Associação de Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) apelou aos municípios portugueses para isentem os comerciantes das taxas cobradas às...

Instituições de Solidariedade com projetos inovadores para reforçar os laços sociais e a humanização do apoio aos mais velhos

Prémio BPI "la Caixa" Seniores atribui 750 mil euros a 24 projetos Os 24 projetos distinguidos no Prémio...

Gelados Lis há quatro décadas a deliciar as gentes de Abrantes

A história dos Gelados Lis remonta ao ano de 1976, pela mão de Paulo Dias, que havia regressado recentemente de Angola.

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: