11.1 C
Castelo Branco
Sexta-feira, Outubro 23, 2020
No menu items!
Início Regional Empresa de amêndoas Vera Cruz abre escritório em Idanha

Empresa de amêndoas Vera Cruz abre escritório em Idanha

A empresa Vera Cruz, um dos maiores produtores de amêndoa da Europa, acaba de instalar um escritório em Idanha-a-Nova.

A Vera Cruzvai assim concentrar a gestão administrativa e financeira da empresa em Idanha-a-Nova, onde tem instalados, mil hectares de amendoal no âmbito de um projeto que representa um investimento de 50 milhões de euros nos concelhos de Idanha-a-Nova e do Fundão.

Uma equipa de cinco colaboradores irá trabalhar em permanência no escritório de Idanha-a-Nova, prevendo-se o recrutamento de mais colaboradores.

A empresa já criou, aliás, 20 postos de trabalho diretos, incluindo os colaboradores que desempenham a sua atividade nas herdades onde estão instalados os amendoais.

“A abertura deste escritório representa o nosso compromisso com Idanha no sentido da responsabilidade social. Pretendemos não só estimular a economia local através da componente agrícola, mas também estar próximos da comunidade, contratar pessoas da região e integrar a amêndoa em sectores como a gastronomia ou o turismo, promovendo, por exemplo, o espetáculo que são a amendoeiras em flor”, explica Filipe Rosa, sócio cofundador da Vera Cruz.

O presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova, na abertura do escritório da Vera Cruz, destacou o “investimento muito significativo deste projeto, reconhecido com o estatuto de projeto de Potencial Interesse Nacional (PIN) e um compromisso com a sustentabilidade social e ambiental pouco usual em grandes investimentos”.

Armindo Jacinto realça que a Vera Cruz demonstra “interesse em criar riqueza e emprego no concelho, mas também em cooperar no âmbito da Bio-Região de Idanha-a-Nova, com o uso de tecnologias e práticas adaptadas à preservação da água e dos solos”.

Recorde-se que já este ano a Câmara Municipal de Idanha-a-Nova e a HVCZ Industries, empresa do Grupo Vera Cruz, assinaram um memorando de entendimento para a instalação de uma fábrica de descasque, armazenamento e transformação de amêndoas no concelho, investimento que ronda os 13 milhões de euros.

A primeira colheita dos pomares de amendoeiras em Idanha-a-Nova deverá acontecer já no próximo ano.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

CNC-UC e Marionet coproduzem performance científico-teatral sobre apneia do sono

O Centro de Neurociências e Biologia Celular da Universidade de Coimbra (CNC-UC) e a companhia de teatro Marionet vão apresentar uma performance...

Vila de Rei: Requalificação da estrada entre a EN2 e Seada já em execução

Os trabalhos de requalificação da Estrada Municipal entre a EN2e a aldeia de Seada tiveram já início, com um prazo previsto de...

Covid-19: Parlamento aprova hoje uso obrigatório de máscaras na rua por três meses

O parlamento vai debater e aprovar hoje um projeto-lei do PSD que impõe o uso obrigatório de máscara em espaços públicos durante...

Relógios atrasam uma hora na madrugada de domingo

Os relógios vão atrasar 60 minutos na madrugada do próximo domingo em Portugal para dar início ao horário de inverno, segundo o...

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: