12.2 C
Castelo Branco
Sexta-feira, Janeiro 22, 2021
No menu items!
Início Cultura CASTELO BRANCO: “Já Leram a Poesia de Natal de Frei Agostinho da...

CASTELO BRANCO: “Já Leram a Poesia de Natal de Frei Agostinho da Cruz?” tema de palestra com António Salvado

A Real Associação da Beira Interior, organizou uma palestra no dia 28 de Novembro, subordinada ao tema “Já Leram a Poesia de Natal de Frei Agostinho da Cruz?”, evento proferido pelo professor e poeta albicastrense António Salvado.

A palestra teve o apoio da Câmara Municipal de Castelo Branco. O evento foi realizado na Biblioteca Municipal de Castelo Branco.

Na Mesa esteve o orador e o vice-Presidente da Real Associação da Beira Interior, Luís Duque-Vieira.

Frei Agostinho da Cruz, que se chamava Agostinho Pimenta antes de ser ordenado religioso, nasceu em 1540 em Ponte da Barca, irmão mais novo de outro poeta – Diogo Bernardes. Frei Agostinho da Cruz faleceu em 1619 na Serra da Arrábida.

Os primeiros anos de Frei Agostinho da Cruz são passados com a sua família, recebendo formação e cultura.

Aos 15 anos entra ao serviço de Dom Duarte (neto de Dom Manuel I), tornando-se cortesão.

Na corte real, os nobres verificam o seu talento de poeta e o apoiam, principalmente o Duque e Duquesa de Aveiro.

Aos 20 anos, toma o hábito no convento de Santa Cruz na Serra de Sintra, após um ano de noviciado em 1561 entra na Ordem dos Capuchinhos.

Depois, e durante décadas, servirá a Ordem, dedicar-se-á à prática de óptimas acções para com os seus semelhantes.

Aos 61 anos o Provincial da sua Ordem dá-lhe licença para viver como eremita na Serra da Arrábida.

Levou desde então uma vida de austeridade, de humildade comunicativa com os outros, oração, meditação, e contemplação.

Na Serra da Arrábida começa por viver numa choupana, depois vive numa sela (o Duque de Aveiro, manda fazer uma sela para o frade).

O convento da Arrábida pertencia à Ordem de São Francisco. Agostinho da Cruz morre aos 79 anos.

Durante a palestra foi recitado poesia por parte de António Salvado, Maria de Lourdes Barata (Milola), Maria de Lourdes Gonçalves (Milu) e Teresa Brás.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: