9.9 C
Castelo Branco
Domingo, Outubro 24, 2021
No menu items!
InícioRegionalPreço dos passes sociais tem de reduzir diz a USCB/CGTP-IN

Preço dos passes sociais tem de reduzir diz a USCB/CGTP-IN

A luta e a pressão das Uniões de Sindicatos de Castelo Branco e da Guarda, traduzida em várias deslocações à sede da CIMBSE/Guarda e num abaixo-assinado com cerca de duas mil assinaturas, já tiveram resultados concretos, pois, na discussão na especialidade do Orçamento de Estado para 2021 e na votação final do mesmo, a Assembleia da República aprovou o reforço de verbas para o Programa de Apoio à Redução Tarifária (PART).

A partir de 1 de Janeiro a Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela deixa de poder argumentar com a falta de dinheiro, e em consequência, deve proceder à redução do preço dos passes e à reposição dos valores que indevidamente fez pagar aos utentes.

Lembre-se que os apoios financeiros do Estado para a redução tarifária destinam-se a apoiar os utentes e a CIM-Beiras e Serra da Estrela optou por, imoralmente entregar esse dinheiro às empresas de transportes.

“Ou seja: Tirou aos pobres para dar aos ricos”, refere a USCB/CGTP-IN e, comunicado.

As Câmaras Municipais que mais usam o PART devem agora ser firmes no âmbito da CIMBSE fazendo valer os direitos das populações que representam e exigir os apoios necessários à redução do valor dos passes sociais e tudo fazer para que estes apoios se estendam às populações de todo o território, incluindo nas ligações entre concelhos. 

A União dos Sindicatos de Castelo Branco (USCB/CGTP-IN) desde já reafirma a sua disponibilidade para continuar a luta que iniciou e que nunca abandonou, com a confiança que esta batalha vai ser ganha custe o que custar e dure o tempo que durar.

*Foto: beira.pt

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: