12.2 C
Castelo Branco
Quinta-feira, Fevereiro 25, 2021
No menu items!
Início Regional COVID 19: Concelho de Tomar mantém evolução epidemiológica desfavorável

COVID 19: Concelho de Tomar mantém evolução epidemiológica desfavorável

Reunião do Posto de Comando Municipal de Proteção Civil de Tomar

A situação epidemiológica evolui de forma desfavorável no concelho de Tomar.

Os últimos sete dias marcam a pior semana de pandemia no concelho que contabiliza 484 novos casos de infeção com o novo coronavírus, mais 118 que na semana antecedente.

O maior aumento diário de infeções desde o início da pandemia registou-se na passada terça-feira com 156 testes positivos à Covid-19.

Na reunião do Posto de Comando Municipal, as autoridades reportaram que, apesar do reforço das medidas de confinamento, se mantém a necessidade de atuar tanto através de ações de sensibilização como de fiscalização, quer na via pública, quer nos estabelecimentos comerciais e de restauração.

Nesta última e mais concretamente na área da restauração, verificaram-se já várias situações de incumprimento, as medidas serão ainda mais rigorosas.

No Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT), apesar das dificuldades sentidas no funcionamento dos serviços por falta de recursos humanos, abriu mais uma enfermaria e está em preparação a abertura de outra, dado que existem 21 utentes a aguardar internamento.

Estão, atualmente, 148 pessoas internadas com Covid-19 das quais 14 permanecem em cuidados intensivos.

A média de idades de internados com Covid-19 caiu para os 56 anos e o paciente mais jovem, atualmente internado no CHMT, tem 18 anos.

No âmbito do encerramento de escolas, a Câmara Municipal preparou três estabelecimentos de ensino no concelho, a EB1/JI Raul Lopes (Agrupamento de Escolas Nuno Santa Maria), a EB1 Templários (Agrupamento de Escolas dos Templários) e a Sociedade Filarmónica Gualdim Pais, esta última para crianças mais pequenas que frequentam creches e amas, para receber os filhos dos profissionais que estão na linha da frente.

A presidente da Câmara, Anabela Freitas, reportou que no âmbito da revisão do plano nacional de vacinação contra a Covid-19 estão a ser analisadas outras situações prioritárias anteriormente não previstas como a necessidade de vacinação dos bombeiros que estejam na emergência pré-hospitalar bem como a exercer serviço considerado essencial para a proteção da pandemia.

Adiantou, ainda, que a vacinação nacional está prevista decorrer nos Centros de Saúde, mas que existe a possibilidade de se vir a criar uma estrutura para esta ação sendo que a autarquia irá fazer o levantamento tanto de espaços com condições para esse efeito, como de recursos humanos, estando agendada uma reunião para esta segunda-feira sobre este assunto.

O boletim enviado pela USPMT – Unidade de Saúde Pública do ACES Médio, indica que no total, Tomar já registou 1821 casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2 (5% da população) e que já recuperaram, desde março, 923 pessoas. As autoridades de saúde têm sob vigilância 71 contactos e registam, nesta última semana, 2 óbitos por Covid-19, totalizando 18 desde o início da pandemia.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: