5.1 C
Castelo Branco
Segunda-feira, Março 1, 2021
No menu items!
Início Nacional “Se não pode vir à Serra, a Serra vem até si”: CIM-BSE...

“Se não pode vir à Serra, a Serra vem até si”: CIM-BSE deu a conhecer o melhor do Território na Praça da Alegria da RTP

Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela esteve na RTP para divulgar o Território

Esta segunda-feira, dia 25 de janeiro, a Comunidade Intermunicipal das Beiras e da Serra da Estrela (CIM-BSE) esteve no programa da manhã da Praça da Alegria da RTP, para mostrar e divulgar o melhor do seu território e dos seus 15 municípios.

Dados os constrangimentos provocados pela crise pandémica e o atual estado de confinamento geral a que os portugueses estão obrigados, a CIM-BSE levou ao programa da estação pública várias temáticas com o intuito de dar a conhecer “a outra Serra” para além da neve – a Serra das suas gentes, dos seus produtos endógenos, das suas mais-valias para a saúde e bem-estar.

Tudo para que quando for possível sairmos deste confinamento, sabermos que há todo um território para descobrir e recuperar o tempo perdido.

“Se não pode vir à Serra, a Serra vem até si” – este foi o mote dado no programa apresentado por Sónia Araújo e Jorge Gabriel para que os portugueses ficarem a conhecer a iniciativa inovadora “Somos Serra da Estrela”, promovida pela CIM-BSE, e que tem como propósito primordial: há um outro lado da Serra da Estrela que ainda está por descobrir e que vai muito além dos roteiros turísticos.

Na Praça da Alegria divulgamos alguns dos sabores intensos e tradicionais dos 15 municípios, também disponibilizados online no site Visite Serra da Estrela, e ouvimos pela voz das suas gentes, temáticas identificativas e diferenciadoras do território.

De Mêda ao Fundão, passando por Trancoso, Fornos de Algodres, Gouveia, Manteigas, Seia, Covilhã, Belmonte, Sabugal, Guarda, Celorico da Beira, Pinhel, Almeida e Figueira de Castelo Rodrigo há muito para descobrir e na Praça da Alegria desvendamos um pouco de cada Município.

“A CIM-BSE acredita que, num mundo cada vez mais homogéneo e globalizante em todos as suas dimensões, e numa altura particularmente complicada para as economias locais dado o atual contexto, é preciso passar esta mensagem. Quando retomarmos as nossas vidas, os portugueses não podem esquecer que, à semelhança do que aconteceu no verão de 2020, é preciso reerguer e isso traduz-se no regresso dos turistas ao nosso Território. Traduz-se no consumo do que é verdadeiramente genuíno, identitário e nosso”, sustenta o 1º secretário executivo da CIM-BSE, António Ruas.

A presença da CIM-BSE no programa Praça da Alegria foi sustentada pela divulgação da marca Serra da Estrela, Um Destino em Estado Puro e pela campanha “Somos Serra da Estrela”, promovida pela CIM-BSE, no âmbito do projeto ‘Produtos Turísticos Integrados de Base Intermunicipal – À Descoberta da Serra da Estrela’, cofinanciado pelo Centro 2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Foto de capa: ©RTP, Praça da Alegria

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: