10 C
Castelo Branco
Quinta-feira, Abril 22, 2021
No menu items!
Início Nacional Em Março, o chef Diogo Rocha leva o Mesa de Lemos à...

Em Março, o chef Diogo Rocha leva o Mesa de Lemos à Madeira

Nos próximos dias 4, 5, 6 e 7 de Março, Diogo Rocha irá partilhar a sua gastronomia com o chef Júlio Pereira, no espaço Kampo, no Funchal

Os Madeirenses que nunca tiveram oportunidade de provar a arte culinária do chef Diogo Rocha, no restaurante Mesa de Lemos (1 * Michelin), em Viseu, têm agora uma boa oportunidade para a descobrir.

De 4 a 7 de março, o chef Diogo Rocha irá marcar presença no Funchal, no espaço Kampo, onde irá cozinhar a convite do chef Júlio Pereira.

Mesa de Lemos

Os almoços serão compostos por duas entradas frias, duas entradas quentes, um prato de peixe, dois pratos de carne, uma pré-sobremesa e uma sobremesa, pelo apetecível valor de 40€ (sem vinho).

Com vinhos incluídos, a proposta fica em 50€ para 2 pessoas.

“Numa altura em que, no continente, a restauração está fechada desde 15 de janeiro, é com muito entusiasmo que encaro esta vinda a Madeira, para dar a conhecer um pouco da gastronomia que faço no Mesa de Lemos, em Viseu, a todos os apreciadores da arte de bem comer que estejam na ilha”, afirma Diogo Rocha, chef do Mesa de Lemos.

Os produtos do campo e do mundo rural estarão em destaque ao longo destes dias, assim como os vinhos da Quinta de Lemos, que poderão ser harmonizados com o menu.

Sobre o Chef Diogo Rocha

Recorde-se que Diogo Rocha começou a trabalhar na área da cozinha profissional cedo.

Estudou no Curso de Cozinha e Pastelaria de Coimbra, licenciou-se em Produção Alimentar e Restauração e tornou-se mestre em Sustentabilidade de Turismo na ESHT do Estoril, tendo-se especializado em produtos da Serra da Estrela.

Passou por projetos como Encontrus (catering), restaurante Terreiro do Paço, VillaJoya e Valle Flor, como estagiário.

Diogo Rocha

Em 2008, entrou para o Dão Sul, onde assume a chefia executiva de todo o grupo com três espaços de restauração: Quinta de Cabriz, Quinta do Encontro e Paço dos Cunhas de Santar.

Desde 2009 faz parte do corpo docente da Escola Superior de Turismo de Seia, onde leciona a cadeira de Gastronomia.

Em julho de 2013, entra no universo do grupo de Celso de Lemos, vindo a abrir o Mesa de Lemos como Chef executivo em abril do ano seguinte.

A natureza e a preservação do estado mais puro dos produtos são as premissas que garantem a alta qualidade dos produtos, na linha daquilo em que o chef acredita.

Muitos dos ingredientes utilizados no restaurante Mesa de Lemos são produzidos na propriedade e todo o conceito apela à seleção de produtos de elevada qualidade. 

Em 2015, Diogo Rocha assumiu o papel de embaixador da marca de bacalhau Lugrade.

No final do mesmo ano lança um lote de bacalhau com uma cura superior a nove meses, proveniente da Islândia e recentemente lança um novo lote de cachaços de bacalhau demolhados sem espinhas com a mesma origem e processo de cura.  

Em Dezembro de 2016, publica o primeiro livro, “Hoje Diogo Rocha”, em que demonstra o carinho pela sua região e o amor que tem aos produtos portugueses.

Assumiu ainda a coragem de editar o livro em inglês – “Today Diogo Rocha”.

Este foi premiado com o primeiro “1º Prémio Fotografia” para livros sobre gastronomia no concurso organizado pela Portugal CookBook Fair.

Em Novembro de 2019 publica o seu segundo livro “Queijaria do Chef”, que a acrescentar às características, método de produção, sugestões de petisco e harmonização com vinho, possui mais de 50 receitas de como usar os melhores queijos portugueses.

Um guia para descobrir os segredos dos nossos melhores queijos e aventurar-se a comê-los de outras formas que não só a simples fatia.

Arrisca novamente na edição do livro em inglês – “Chef’s Dairy”.

A partir de 2017, é nomeado embaixador oficial de Viseu, pertencendo-lhe a promoção e apoio na área da gastronomia da cidade e região com presenças na FITUR, BTL e outros eventos, como o “Viseu Estrela à Mesa”, em que assume o papel de curador.

Continua envolvido em diversos projetos na região do Dão e a nível nacional.

Em 2019, conquista a primeira estrela Michelin para o Mesa de Lemos, o único espaço gastronómico da zona centro do país a ter esta distinção, que renovou em 2020.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: