19.3 C
Castelo Branco
Terça-feira, Julho 27, 2021
No menu items!
InícioNacionalCom a chegada da primavera é tempo de cuidar do decote e...

Com a chegada da primavera é tempo de cuidar do decote e do pescoço

A primavera está a chegar, os dias estão a ficar maiores, já se pensa no verão e nas férias, e há zonas do nosso corpo que começamos a dar mais importância e a mostrar mais no dia a dia.

O decote e o pescoço são as primeiras a ser “destapadas” com a subida da temperatura e se o rosto e o corpo são objeto de cuidados específicos, estas duas zonas são normalmente esquecidas nos rituais diários.

Estas zonas, além de serem um pouco descuradas, têm características muito específicas que tornam a pele mais vulnerável às agressões externas.

Zona onde a pele é mais vulnerável às agressões externas

No caso do decote, as três camadas que constituem a pele são mais finas nesta zona o que leva a uma maior probabilidade de se formarem rugas, mas também é uma zona pobre em glândulas sebáceas o que a torna mais frágil e facilmente desidratada, outro factor que pode aumentar o envelhecimento da pele.

A exposição solar, como em outras partes do nosso corpo, é mais um factor para o envelhecimento precoce e muitas vezes quando o notamos já é tarde demais.

Luiz Toledo, cirurgião plástico, revela que há vários tratamentos com excelentes resultados para estas duas zonas: “na zona do decote, o procedimento consiste em fazer um enxerto de gordura, a nanofat, que depois de tratada é injetada superficialmente na região do decote para eliminar as rugas e melhorar a qualidade da pele”.

Com o passar dos anos e sem os cuidados certos, o pescoço também pode revelar sinais de envelhecimento que incomodam tanto quanto os da face. 

Exposição excessiva ao sol, maus hábitos alimentares ou alguma tendência genética podem levar à formação de um depósito de gordura, a chamada “papada”, ou alguma flacidez.

Zona do pescoço é igualmente das mais sensíveis

“A lipoaspiração da papada é um procedimento relativamente simples, indicada para quem tem um excesso de gordura nessa região e feita através de pequenas incisões para a inserção de uma cânula. Para a flacidez do pescoço, o lifting cervical é a melhor solução já que, através de uma incisão abaixo do queixo, permite ao cirurgião aceder à musculatura local e reposicionar os tecidos”, explica Luiz Toledo.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: