14.3 C
Castelo Branco
Quinta-feira, Setembro 23, 2021
No menu items!
InícioInternacionalIdanha entre as 20 melhores marcas territoriais do mundo

Idanha entre as 20 melhores marcas territoriais do mundo

Distinção

Idanha-a-Nova foi distinguida como uma das 20 melhores marcas territoriais de todo o mundo, pela City Nation Place.

Idanha é a única presença portuguesa no prestigiante ‘Hall of Fame’ do marketing territorial, que inclui Helsínquia (Finlândia), Grã-Bretanha, Costa Rica, Copenhaga (Dinamarca), Eindhoven (Holanda), Auckland (Nova Zelândia), Salt Lake City (Estados Unidos), Ilhas Faroé, Bergen (Noruega), Vilnius (Lituânia), entre outras cidades.

“É extraordinário que uma pequena localidade de Portugal, marcadamente rural, esteja lado a lado com grandes cidades mundiais. É o reconhecimento do trabalho que estamos a fazer no concelho de Idanha-a-Nova, com inovação, criatividade e diferenciação”, afirma Armindo Jacinto, presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova.

Para Armindo Jacinto, “a distinção demonstra que a estratégia de Idanha está no bom caminho e que os territórios do interior oferecem muitas oportunidades. Com isto, ganhamos destaque a nível nacional e internacional, o que é importante para captarmos mais talento e investidores, criarmos mais riqueza e emprego”.

O ‘Hall of Fame’ da City Nation Place, publicado este mês de maio, distingue as 20 melhores e mais criativas marcas e estratégias territoriais a nível mundial.

A organização destaca a estratégia “Recomeçar em Idanha-a-Nova”, desenvolvida pelo Município de Idanha-a-Nova e a Bloom Consulting Portugal, em conjunto com 52 stakeholders locais, como um “exemplo magnífico do impacto que uma estratégia de desenvolvimento pode ter num território”.

É elogiado o trabalho que Idanha tem realizado na captação de investimento e fixação de população num território rural, com resultados positivos no crescimento económico, no desenvolvimento sustentável e na inversão do saldo migratório do concelho.

Com efeito, os dados da Pordata demonstram que em 2019 foi possível, pela primeira vez, inverter um histórico de décadas de fluxos migratórios negativos, com o concelho de Idanha-a-Nova a apresentar hoje um saldo migratório positivo, ou seja, há mais pessoas a chegar do que a sair do concelho.

Em 2018, Idanha-a-Nova já havia surpreendido o Mundo ao conquistar a única Menção Honrosa no Prémio “Marca Territorial do Ano”, entre mais de 100 cidades a concurso. Aconteceu nos prémios City Nation Place Awards, patrocinados pelo The New York Times.

A entrega do prémio teve lugar em Londres e Idanha foi superada apenas pela cidade de Eindhoven.

Pelo caminho ficaram finalistas como Barcelona, Escócia, Estónia ou Salinas, na Califórnia.

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: