18.3 C
Castelo Branco
Quarta-feira, Outubro 27, 2021
No menu items!
InícioOpiniãoTeletrabalho, veio para ficar?

Teletrabalho, veio para ficar?

Com o início da pandemia, generalizou-se, por imposição do Governo, o teletrabalho, ou um género de – “telecasa”?

Rita Baptista Antunes

Sim, eu sei, não existe essa palavra, e o conceito é redundante, sendo eu teletrabalho é representativo de trabalho à distância, mas será que se trabalhou por si só, mais ou menos, em casa?

Eu, como muitos, tive em teletrabalho, o meu filho em telescola e o namorado a dar aulas de educação física em telescola – foram umas aulas muito engraçadas de se verem, é importante mencionar – mas agora analisando a cru, trabalhou-se mesmo, ou prestou-se mais atenção à casa, ou aos filhos?

A vida fechada em casa, não foi fácil para ninguém, e manter o equilíbrio familiar com o trabalho, sem nos esquecermos de nós, não foi algo muito fácil de gerir. Verdade seja dita, habituámo-nos e criámos pequenos rituais para gerir tanto as nossas emoções, como as de quem nos rodeia. E as dos patrões, não eram excepção!

A pandemia obrigou à maior parte das empresas a colocar os funcionários em teletrabalho, sempre que as funções assim o permitiam, ceder os equipamentos de trabalho – ao menos tivesse sido essa a realidade, que não foi na maioria dos casos –ao funcionário, manter os seus direitos, tal como as obrigações.

Mas, e agora?

Agora, voltamos – quase – à normalidade, em que já não é obrigatório o Teletrabalho, nos concelhos que não são risco.

Contudo, os trabalhadores já estão habituados a gerir o seu tempo da maneira que querem, sem terem que estar fechados todo o dia no escritório e lidar com as pessoas que não escolheram para partilharem oito horas diárias, ou mais?!

E os momentos agradáveis, em que se para pára para almoçar e faz-se uma sesta de uma hora, antes de voltar ao trabalho? Ou ir buscar os miúdos á escola sem pressas e correrias de trânsito para tudo.

O conceito de teletrabalho era visto, pela maioria das pessoas, como um regime solitário e muitas vezes preguiçoso. A realidade agora, é que todos os “olhos” estão postos no regime de teletrabalho, inclusive do legislador, que já tem vindo a propôr algumas alterações que vê como menos vantajosas para o trabalhador.

A pandemia abriu-nos os olhos para um conceito simples, e que na realidade nos poderá dar mais qualidade de vida, será que é um dos hábitos criados com a pandemia, que se entranhou na sociedade?

Parece que vamos ter de esperar para ver. Na minha óptica, trar-nos-á mais qualidade de vida, sem dúvida.

Desejo-vos um bom domingo.

www.aminhamaedeviaserjurista.pt

*Rita Baptista Antunes

Leave a Reply

- Advertisment -

Most Popular

COMENTÁRIOS RECENTES

Paula Alexandra Farinha Pedroso on Elias Vaz lança livro sobre lendas e mitos de Monsanto
%d bloggers like this: